A Honda foi uma das primeiras montadoras de motos a chegar no Brasil. Instalada na Amazônia, a fábrica principal da empresa, inaugurada em 1976, produz motos, quadriciclos e motores estacionários. Todo o processo produtivo é realizado na planta da montadora, onde são desenvolvidas ferramentas e dispositivos necessários para a fabricação de motocicletas, manutenção de moldes e ferramentas de produção além da fabricação de componentes e subconjuntos.

A cada ano, a Honda nacionaliza mais e mais a produção de suas motos. Isso não acontece por acaso: as motos Honda dominam mais de 80% do mercado de motocicletas no Brasil. Mas só a nacionalização não explica a popularização destas motos no Brasil.

A qualidade das motos Honda

Um dos principais fatores que ajudam a Honda a fazer sucesso em nosso país é a qualidade das motos. Elas tem um baixo custo de manutenção e é a primeira marca a trazer inovações  tecnológicas de peso para motocicletas de baixa cilindrada, tal como é com os modelos XRE e CBR de 300 cilindradas com freios ABS. A melhor tecnologia também resulta em menores custos de manutenção, maior durabilidade e maior preço de revenda. O brasileiro busca durabilidade, acima de tudo, em suas compras. E a Honda proporciona isso como nenhuma outra.

Motos Honda no Brasil

Sinônimo de qualidade, a Honda domina há anos o mercado brasileiro com sua durabilidade e inovações tecnológicas. (Foto: sobremotos.solupress.com)

Pós-venda da Honda

Além da boa qualidade das motos Honda, o pós-venda da empresa é simplesmente único. Todos os mecânicos das concessionárias passam por treinamento detalhado antes de trabalharem nas motos. E ao contrário do que a maioria das concessionárias fazem, as revisões feitas na Honda tem valor igual ou um pouco mais caras do que aquelas feitas no mercado paralelo. Uma concessionária Honda estará disposta a te atender com toda atenção que um cliente merece, além de solucionar seus problemas com muito mais facilidade em uma das milhares de lojas espalhadas pelo Brasil.

Preços de peças originais e custos de manutenção

Tanto as peças originais quanto aquelas do mercado paralelo são muito mais baratas que as concorrentes. Portanto, no longo prazo, manter uma motocicleta Honda fica muito mais barato do que manter uma motocicleta de outras marcas. Até hoje você pode ver motos da Honda do início da década de 90 circulando normalmente pelas ruas e sem muitos problemas mecânicos. Além disso, a manutenção de uma moto Honda é muito barata, compensando muito mais do que os altos custos de se manter um carro.

Preço de revenda

Finalmente, temos o preço de revenda das motos Honda, que são as que menos desvalorizam-se após saírem das concessionárias, o que é extremamente positivo. Mesmo que você não planeje vender sua moto, saber que ela não perderá tanto valor após a compra é uma segurança a mais para o seu dinheiro.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)