Carros para jovens de 18 anos? Deixando os custos de lado, não é uma boa ideia para motoristas jovens terem imediatamente seu próprio carro. Por um lado, você vai estar enviando uma mensagem aos jovens dizendo que ter um carro e dirigir  é um direito que ele ou ela tem direito, ao invés de um privilégio. É um plano muito mais seguro e mais sábio para ter um jovem construindo um bom histórico de condução antes de dar um carro para ele ou ela.

Meu primeiro veículo: paciência evita riscos

Todos os novos motoristas estão em maior risco de acidente durante os primeiros seis meses após receberem sua carteira de motorista. Portanto, para jovens motoristas, você deve se apressar para dar o o privilégio de condução independente em todas as condições e situações em um veículo que não seja deles.

Sabemos que provavelmente o dono de um carro gasta muito tempo e esforço dirigindo para seus filhos, e muitos esperam que os jovens possam passar a ajudar com algumas dessas responsabilidades, como por exemplo, dirigindo sozinhos. Mas vale a pena esperar alguns meses mais para dar o primeiro carro a um jovem.

Carros para jovens de 18 anos: entenda os riscos de acidentes

Em seu primeiro ano na estrada, jovens tem quase 10 vezes mais probabilidade de se envolver em um acidente. O risco  de acidente aumenta com cada km por hora acima do limite de velocidade. Dados atuais sobre acidentes envolvendo motoristas jovens mostram que ter vários passageiros jovens no veículo torna duas vezes mais provável de causar um acidente fatal do que a condução alcoolizada. Acidentes são mais são mais comuns entre motoristas jovens do que qualquer outra faixa etária.

Com isso em mente, os pais podem pensar em um carro menos potente, mais seguro, e estabelecer regras para o uso do veículo que garantam que o jovem não vai abusar.

Carro para jovens

Dar um carro para um jovem é um tanto arriscado. Pense em questões como segurança e responsabilidade do jovem antes de comprar o veículo, para não se arrepender da pior forma possível depois.(Foto: The News Wheel)

Orientações para comprar o primeiro veículo para um jovem

Quando for o momento certo para escolher um carro para um jovem, aqui estão algumas orientações sobre os melhores carros.

Evitar carros que tenham uma imagem e desempenho esportivo: estes veículos podem incentivar os jovens condutores a acelerar para testar o desempenho do carro. SUVs e picapes também não são a melhor escolha para um adolescente. Enquanto estes possam parecer uma escolha segura por causa de seu tamanho e peso, eles são mais propensos a capotar em acidentes. A alta taxa de acidentes de um acidentes com jovens e a probabilidade maior de rolagem de um SUV ou picape podem ser uma combinação mortal.

Os carros de passageiros de tamanho médio e compactos são boas escolhas: oferecem peso suficiente, bem como recursos de segurança atualizados. Os carros pequenos oferecem menos proteção contra choques por causa de seu tamanho e peso. Procure um carro que tenha mais airbags, além dos airbags padrão do condutor e do passageiro: Os air bags laterais e de cortina adicionam uma medida extra de proteção contra choques.

Invista em segurança: outros recursos de segurança que podem beneficiar os jovens condutos são o controle eletrônico de estabilidade, e sistema de freio ABS, bem como um sistema inteligente de lembrança para o uso do cinto de segurança que tornem difícil ou chato para conduzir sem todos os ocupantes estarem com seus cintos de segurança.

Verifique classificações de segurança do seu carro: quando você encontrar um carro que parece ser uma boa escolha, certifique-se de verificar as classificações de segurança pela Latin NCAP, órgão responsável por testar a segurança de veículos. Procure veículos com nota 4 ou 5.

Carros bons e baratos para comprar

Depois de permitir o jovem dirigir um pouco o carro, 6 meses a um ano, e decidir comprar um carro para jovem, a compra tem que ser bem pensada. Compre um carro usado, com mais de 5 anos de fabricação. Além de ser um carro mais barato, é um carro que precisará de mais cuidados com a manutenção, o que será uma outra boa lição para o jovem. É um carro que não vai ter um seguro muito caro também, e está no ponto exato de custos de manutenção que não é caro demais e nem muito barato.

É importante que o carro não seja barato demais. Isso ajuda a fazer com que o jovem comece a se responsabilizar pelos danos causados ao veículo, ou que o prêmio do seguro pese um pouco mais no bolso. Faça com que o jovem arque com os custos, seja através de tarefas em casa ou com o próprio dinheiro. Isso forçará com que ele tome mais cuidado com o carro e quando não o fizer, sinta o impacto maior diretamente onde mais dói: no bolso.

Qual o primeiro carro que você teve quando mais jovem? Qual carro daria para um jovem motorista e por que?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)