Antes de sair comprando o primeiro seguro de carro que aparecer, algumas dicas podem te ajudar a poupar muito dinheiro. Afinal, existem muitas seguradoras espalhadas por aí e, pelo menos uma delas pode querer negociar um pacote melhor ou um seguro mais barato, para bater o preço de uma concorrente.

Mas não é só a competição que faz os preços de um seguro ficar mais barato. Existem outras coisas que influenciam esse preço e nosso artigo vai te orientar em como conseguir um seguro mais barato.

Carros com seguro mais barato: uma escolha que influencia no preço!

O valor, tipo, tamanho do motor, região onde você mora, fazem a diferença para o seu prêmio do seguro, que é a prestação paga pelo seguro. A regra geral é que quanto menor for o carro, menor será o prêmio. Se você ainda não comprou um carro, no entanto, vale pesquisar com algumas empresas de seguros por cotações para diferentes veículos, afim de saber os carros com seguro mais barato.

Seguro mais barato com rastreador e alarme

Um carro equipado com um dispositivo de segurança como um alarme, desligamento remoto, ou rastreador significa que é menos provável de ser roubado. Por sua vez, as companhias de seguros estão mais propensas a oferecer-lhe uma cotação mais barata por você ter instalado os dispositivos de segurança.

Como pagar seguro de carro barato

Ao fazer o seguro de um carro, pesquise bastante para não pagar mais caro sem necessidade. (Foto: bestinsuranceaugustaga.com)

Dicas para pagar seguro mais barato: do mais barato ao mais completo, compare, pesquise, e negocie!

Muitos motoristas que procuram o seguro de carro mais barato instintivamente optam pelo seguro de danos a terceiros, incêndio e roubo. Mas, com muitos motoristas buscando sempre a cobertura mais barata, o preço médio destas apólices acaba aumentando.

Por exemplo, uma cobertura global, incluindo manutenção do veículo, e outros extras, pode sair mais barata do que uma apólice básica. Afinal, um corretor de seguros tem que bater metas de todos os tipos de seguros, e você pode ser aquela pessoa que o corretor precisa para bater a meta do mês. Escolha o corretor de seguros que mais esteja disposto a negociar e atender aos seus pedidos.

As seguradoras tem diferentes políticas de preço para vários fatores

Não basta escolher a mesma seguradora que sua esposa, marido, familiar ou amigo, só porque eles recomendaram. Não existe um tamanho ou um só preço do seguro para todo mundo. O prêmio varia muito, dependendo da idade do condutor, histórico de condução, gênero do condutor, quem vai conduzir o veículo, o tipo de uso para o veículo, entre outros.

O mais inteligente a fazer aqui é negociar com diferentes corretoras de seguro, e diferentes corretores de seguro. Concorrência é sempre bom para baratear os custos ao cliente. E pechinchar é algo que os mais ricos fazem constantemente.

Não acione a seguradora se o reparo for mais barato do que a apólice cobre

Se você sofreu um acidente, e os reparos no veículo não ficaram tão caros, você deve evitar acionar o seguro. Cada vez que você aciona o seguro, você encarece ele para o próximo ano, pois se torna um motorista mais “perigoso” para a seguradora, aumentando as chances potenciais de seu veículo ser danificado e ter que acionar o seguro novamente.

Motorista adicional: coloque como condutor eventual!

Se você é um piloto inexperiente, acrescentar um piloto experiente, como alguém com mais de 5 anos de carteira, pode baixar os custos da apólice. Da mesma forma, jovens, que usam o veículo esporadicamente, devem ser colocados como motoristas eventuais, e não como motoristas principais.

Só nunca minta para a seguradora, ou você poderá perder todo o dinheiro e ainda ser acusado de fraude, o que é crime.

Seguro auto condutor principal: mantenha a carteira limpa de infrações!

Ter pontos na carteira vai influenciar, diretamente, nos custos do seguro. Respeite o trânsito, não corra. Faça um curso de direção defensiva. Inclusive, cursos de direção defensiva podem reduzir o prêmio pago pelo seu seguro.

Inclua opcionais e modificações no veículo à apólice de seguro do carro

Faróis, rodas, capotas marítimas, carretas, opcionais de conforto (DVD, som automotivo, etc). Sempre que você fizer modificações no veículo ou na hora de assinar uma apólice de seguros, verifique se todos esses itens estão cobertos pela seguradora, ou você pode acabar surpreso quando um desses itens for danificado e o seguro não cobrir.

Franquia normal, franquia reduzida, ou franquia majorada?

Franquia é o valor que o segurado pagará quando houver necessidade de reparos no veículo. Quanto maior a franquia paga, menor o valor do seguro. Quanto menor o valor da franquia, maior o valor do seguro. Aqui não existe um tamanho para atender à todas as necessidades, mas existe uma busca por um melhor custo benefício, dentro do que você pode pagar. E escolher o tipo de franquia certa vai ajudar a economizar no preço do seguro.

Na franquia normal, valerá a pena acionar o seguro apenas quando há danos mais graves ao veículo, pois a seguradora vai pagar menos pelos reparos necessários. É o tipo de franquia ideal para motoristas mais cautelosos e que usam o veículo esporadicamente.

Na franquia reduzida, a seguradora cobre mais danos, e o seguro pode ser acionado com maior frequência, sem incorrer em custos muito altos para o segurado. É o tipo de franquia apropriado para quem usa o carro todos os dias, principalmente famílias, e quem trabalha com o veículo.

Na franquia majorada, o seguro é mais caro, e a franquia custa o dobro da normal. Geralmente, só irá atender a quem tem veículos de lazer, os carros de final de semana.

Se ainda ficou alguma dúvida ou se vocês tem alguma dica para baratear os seguros de carro, deixe nos comentários abaixo! A participação de vocês é muito importante!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)