Os investidores costumam usar ações como uma forma de economizar para objetivos de longo prazo, como pagar a faculdade e aposentadoria. Mas o que dizer de um objetivo mais intermediário ou curto prazo, como a compra de carro?

Esta pergunta traz à tona um ponto chave. Ao responder a uma pergunta como esta, é importante primeiro quantificar o seu objetivo. Que tipo de carro que você está procurando e quando você precisará dele, tendo estes critérios enorme influência sobre o tipo de poupança ou investimento que é apropriado.
Por exemplo, se você tem R$10.000 poupados agora e quer comprar um carro de R$100.000 em cinco anos (estamos exagerando e falando de sonhos de consumo aqui) você vai precisar de uma estratégia muito agressiva.

Para responder a pergunta, um investimento em uma ação de uma certa empresa, não será suficiente para colocá-lo atrás do volante de um carro de R$100.000 em cinco anos. Simplesmente não existe uma empresa que tenha rendido tanto em tão pouco tempo, a não ser que tenha sido vendida a uma empresa maior.

Mas talvez seus objetivos sejam mais modestos. Se você tem R$23.000 já salvos e que gostaria de comprar um carro de R$25 mil em três anos, você precisa de um retorno médio anual de 1,7%. Você pode ser capaz de encontrar um título que renda 2,4%, colocando-o bem ao alcance da meta, tendo muito pouco risco, além da distância do risco de não acompanhar a inflação. Se você tem este montante já salvo, não faria sentido assumir mais risco e comprometer ter o dinheiro para o carro, nem pegar um empréstimo ou financiamento.

Investindo para comprar um carro

Ao invés de se deixar levar pelas propagandas e marketing do IPI reduzido, espere, invista e poupe para comprar um bom carro com seu investimento. (Foto: blog.bariguicreditointeligente.com.br)

Agora, se você tem uma meta agressiva para comprar um carro, ações não são o tipo de ação que, historicamente, tem entregue retornos maciços.

Ao mesmo tempo, se você tem um objetivo mais modesto para um carro ou tem um pouco de dinheiro guardado já, não sei por que você arriscar tudo em um em setores altamente voláteis, como é o mercado de ações. Seria melhor reduzir o seu risco com um mix de ações e títulos, ou eliminar o risco, como descrito acima com investimentos na poupança, CDB e até títulos do Tesouro.

Não sabendo a sua situação financeira ou o objetivo de compra de carros, é impossível determinar a melhor aposta para seu dinheiro. Mas, provavelmente, ações não são. Você primeiro precisa determinar quanto dinheiro você tem para investir, quando você vai precisar do carro novo e quanto você pretende gastar. Só depois de tomar estes passos é que você pode provavelmente escolher um investimento para corresponder ao seu objetivo.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)