Há certas coisas que você deve fazer assim que confirmar que a fraude ocorreu. Embora possa ser impossível recuperar os bens perdidos, você pode tomar certas medidas e evitar que as fraudes aconteçam novamente. Nenhum dos passos que listamos aqui é fácil. O importante a se pensar sempre é que a vida continua e você não pode se deixar destruir por causa de alguns vigaristas.

Confirmada a fraude e passado o primeiro momento de puro estresse é hora de se acalmar e começar a organizar as informações. Registre todas as circunstâncias relacionadas com a fraude: detalhes do pedido, informações de clientes, datas, horários, etc. Se a fraude envolve um cartão de crédito roubado, entre em contato com o titular do cartão de direito, se possível, e alerte-o para o roubo. Entre imediatamente em contato com a operadora do cartão de crédito ou banco usado na operação fraudulenta. No caso de você acreditar ter recebido dinheiro de uma transação envolvendo um cartão de crédito roubado, entre em contato com seu próprio banco sobre como devolver o dinheiro para o titular do cartão. Algumas pessoas tem suas contas utilizadas como intermediárias para transações financeiras fraudulentas, o que é algo que você também deve ficar atento. Contate então a polícia ou outras autoridades competentes para denunciar o crime, registre um boletim de ocorrência e contate a Central de Relacionamento de seu banco ou cartão de crédito. Eles tem equipes preparadas para este tipo de problema e evitarão que a fraude tome um rumo desgovernado. Comece a buscar a fonte da fraude e, principalmente se for pelo internet banking, solicite o bloqueio imediato de seu acesso.

O que fazer quando você for uma vítima?

Mantenha a calma e comece a buscar informações. Ser vítima de uma fraude é muito ruim, mas o desespero não irá ajudar ninguém a solucionar seu problema. (Foto: jhu.edu)

Feito tudo isso, é hora de manter a calma e fazer o mais difícil, que é parar de culpar a si mesmo e colocar a culpa na pessoa que deu o golpe em você. As pessoas podem, por querer ou sem querer, começar a julgá-lo. Se alguém tentar fazer você se sentir culpado ou tolo, não deixe, corte a pessoa imediatamente. Qualquer um pode ser vítima de uma fraude, desde os mais experientes aos mais novos.

Tire um dia de folga, se possível e descanse um pouco para se adaptar ao que aconteceu. Não é só seu dinheiro ou bens que foram envolvidos no roubo. Estão também envolvidas sua auto estima e confiança no processo. Você foi uma vítima, mas não estará triste para sempre. Ache algum amigo ou familiar que você possa conversar e se abrir completamente, sem riscos de julgamentos ou opiniões preconceituosas.

Se a fraude veio de alguém próximo, não gaste tempo pensando nesse “amigo”. Pense que essa pessoa tem que pagar pelo que fez e você está fazendo tudo para que ela pague. Acima de tudo, lembre-se que investigações e até sua forma de lidar com a situação vai levar um tempo. Isto é especialmente verdadeiro se houver uma falta de informação ou se os motivos da acusação são muito fracos. Ver o bandido capturado é uma sensação muito boa, mas viver para a vingança é algo que irá acabar com sua vida.

Finalmente, brinque com a situação, faça piadas com você mesmo. A vida é assim, algumas coisas ruins irão acontecer mas as boas coisas irão sempre compensar os momentos de tristeza. Quanto menos vergonha, humilhação ou tristeza você sentir, mais tranquilamente você vai lidar com a situação.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)