Chega o início do ano e com ele, o pagamento de vários impostos. Três deles são muito conhecidos pelos proprietários de veículos: o IPVA, o DPVAT (seguro obrigatório) e a taxa de licenciamento. Até hoje, são muitas as pessoas que procuram o DETRAN ou vão até várias agências bancárias para descobrir como pagar seus impostos. Acontece que isso não é necessário e você pode fazer tudo isso pela internet.

O primeiro passo que você tem que seguir é ter em mãos os documentos de seu veículo. As Secretarias do Estado da Fazenda de seu estado disponibilizam um site onde você pode digitar o RENAVAM de seu veículo e obter os valores para o IPVA do período vigente. O DPVAT pode também ser obtido através do mesmo site ou pelo site do DETRAN de seu estado, assim como a taxa de licenciamento do veículo.

Mais fácil ainda é se o DETRAN de seu estado tiver a parceria com algum banco, pois você pode obter os dados para pagamento diretamente em seu internet banking ou pelos terminais de auto atendimento. Para alguns bancos, o pagamento dos impostos de veículos estarão sob a categoria “pagamentos” nos terminais e na internet. Outros, já colocaram tal opção na aba “veículos. Praticamente todos os estados aceitam pagamentos online feitos através do Banco do Brasil, Itaú e/ou Bradesco. Para mais bancos, você deve consultar a Central de Atendimento de sua instituição financeira ou buscar na internet as parcerias bancárias que seu banco tem.

Impostos de veículos

O pagamento do DPVAT e do IPVA, quando planejados, tem um impacto menor no seu bolso. (Foto: temusados.com.br)

Bom, se você não tem como acessar as taxas diretamente pelo seu internet banking ou pelos terminais de auto atendimento, não tem problema: assim que você tiver em mãos ou na tela de seu computador as guias de pagamento, você pode digitar os códigos de barras no seu internet banking, imprimir a guia e pagar nas centrais de atendimento ou anotar o código de barras e ir no terminal para pagar. Simples não?

Como são impostos estaduais, dificilmente ele serão recusados pelo seu banco. Mas caso você tenha algum problema no pagamento destas taxas, não esqueça de deixar nos comentários para que atualizemos nosso artigo e possamos ajudar mais pessoas!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)