Financiar um veículo não precisa ser complicado. Depois de entender o básico, você estará em uma posição melhor para decidir sobre a opção de financiamento certa para você. Financiar um veículo pode parecer um pouco complicado, especialmente para quem está comprando o primeiro carro. Mas mesmo que um veículo seja uma das maiores compras que a maioria das pessoas fará (além de comprar uma casa), entender o financiamento de veículos não precisa ser impossível.

O financiamento de veículos aumenta o custo total

Uma vez que você decidiu comprar um determinado veículo, você tem duas opções de pagamento: pagar o veículo integralmente ou financiar ao longo do tempo com um empréstimo ou um leasing.

A maioria das compras de carros envolve financiamento, mas você deve estar ciente de que o financiamento aumenta o custo total do veículo. Isso é porque você está pagando pelo custo do crédito (juros e outros custos de empréstimo) além do custo do veículo.

Financiamento de carros e motos com um empréstimo

Existem 3 fatores principais a serem considerados quando se usa um empréstimo para financiar um carro: o valor do empréstimo (este é o valor total que você está tomando emprestado para obter o carro), o CET (Custo Efetivo Total, que é o total de juros pago) e o prazo do empréstimo (a quantidade de tempo que você tem que pagar o montante do empréstimo).

As taxas de juros geralmente são mais altas quando você está financiando um carro ou veículo usado em vez de um novo, então procure a melhor taxa. Você pode usar um calculadora de empréstimos e financiamentos para ver como diferentes valores de empréstimos, CETs e termos de contratos afetarão seu pagamento mensal.

Além disso, procure um empréstimo sem penalidade de pré-pagamento. Isso vai poupar dinheiro, se você decidir pagar seu empréstimo cedo ou refinanciar seu empréstimo de carro.

Financiamento de veículos

Entenda o financiamento de veículos para poder usufruir dessa ferramenta do mercado para comprar o carro dos sonhos. (Foto: Tata Capital)

Leasing de veículos

A maioria das pessoas pensa no financiamento de veículos como um empréstimo para comprar um carro ou moto, mas o leasing é outra forma popular de financiamento.

Quando você faz o leasing, você paga apenas uma parte do custo de um veículo. Em outras palavras, você está pagando pelo uso do veículo, não pelo próprio carro ou moto. Você pode ou não ter que fazer um pagamento, o imposto sobre vendas é cobrado apenas em seus pagamentos mensais e você paga uma taxa financeira que é semelhante à taxa de juros de um empréstimo. Você também pode ter que pagar taxas especiais relacionadas a aluguel e um depósito de segurança.

Quando você faz um leasing, normalmente está fazendo um pagamento mensal mais baixo do que se fosse comprar o mesmo veículo, mas não está ganhando nenhum patrimônio no veículo que possa mais tarde traduzir para valor de troca ou de revenda. Você pode ter uma opção para comprar o veículo no final do período do leasing, mas isso normalmente custa mais do que se você tivesse comprado o veículo para começar.

Se, no final do período de locação, você está interessado em manter o carro, você pode ser capaz de comprar seu veículo pelo leasing.

Refinanciamento de veículos

Se você atualmente tem um financiamento de veículo, você pode querer considerar o refinanciamento em um novo empréstimo afim de reduzir seus pagamentos mensais. Use uma calculadora de refinanciamento para comparar seu financiamento atual com um possível novo empréstimo para ver se o refinanciamento pode ser adequado para você. Talvez, possa ser uma melhor opção a portabilidade de crédito para uma instituição financeira com condições mais favoráveis.

Custos de um financiamento de veículo

Um pagamento mensal mais baixo no seu empréstimo de carro nem sempre significa que você está economizando dinheiro.

O montante do empréstimo. Pode ser significativamente menor do que o valor do carro, dependendo se você tem um veículo de troca e / ou faz um pagamento de entrada.

O Custo Efetivo Total ou CET é a taxa de juros efetiva que você paga em seu empréstimo, contando todas as taxas e os juros.

O prazo do empréstimo. Essa é a quantidade de tempo que você tem que pagar o empréstimo, normalmente de 36 a 72 meses.

Um pagamento mensal mais baixo sempre parece bom, mas é importante analisar a situação financeira.: Esse pagamento menor também pode significar que você está pagando mais pelo seu carro durante a vida do empréstimo. Vamos ver como o ajuste de cada um dos três fatores pode afetar seu pagamento mensal:

Um valor de empréstimo menor

Digamos que você esteja considerando um financiamento de R$$25.000 para carros, mas você faz um adiantamento de R$2.000 ou negocia o preço do carro em R$2.000 a menos. Seu valor do empréstimo se torna R$23.000, o que economiza R$44,27 por mês (assumindo uma taxa de 3% e um 4 anos para pagamento).

Um menor CET

Considere o mesmo empréstimo de carro de R$25.000 e vamos assumir 4 anos de prazo. Uma instituição financeira oferece 3% de CET e outra oferece 2%. Tomando o menor juro você vai economizar R$10,98 por mês.

Um prazo de empréstimo mais longo

Estender um empréstimo de R$25.000 de 4 anos a 5 anos (assumindo um CET de 3%) reduz seu pagamento mensal em R$104,14, mas você acabará pagando R$391,85 a mais em juros durante a vigência do empréstimo.

Como um pagamento mensal menor pode custar mais?

Uma das coisas mais importantes para entender sobre como funcionam os empréstimos para automóveis é a relação entre o prazo do empréstimo e os juros que você paga. Um prazo de empréstimo mais longo pode reduzir drasticamente seu pagamento mensal, mas também significa que você paga mais juros.

Considere um empréstimo de carro de R$ 25.000 em uma CET de 3,00% e um prazo de 48 meses. Ao longo de 4 anos de pagamentos, você pagará R$1.561 em juros totais do empréstimo. Se você estender esse mesmo empréstimo para um prazo de 60 meses (ou cinco anos), reduzirá seu pagamento mensal em R$104, mas aumentará o total de juros que pagará, de R$1.561 para R$1.953.

Pese todos os fatores antes de decidir

Não existe uma forma única para determinar o melhor empréstimo para carros. É por isso que você precisa dedicar um tempo para entender como os empréstimos para veículos funcionam e tomam a decisão certa para sua situação financeira específica.

Algumas pessoas se beneficiarão mais com um prazo maior para reduzir os pagamentos mensais e usar a diferença para pagar a dívida com juros mais altos. Outros preferirão fazer um pagamento mensal mais alto e pagar o empréstimo mais cedo.

E se você tiver um empréstimo de veículo existente, poderá economizar com refinanciamento. Experimente a nossa calculadora de refinanciamento para descobrir se pode reduzir o seu pagamento mensal por refinanciamento.

Como vocês fazem financiamentos? Quais critérios usam para escolher?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)