Cada vez mais brasileiros estão se aposentando e optando por ir para o exterior. Essa mudança para o exterior após a aposentadoria pode ser dramática, mas freqüentemente leva a uma nova vida que é mais emocionante e que pode ser até mais barata. Vamos ver como você pode se aposentar em e morar no exterior sem muitos problemas.

Aposentado morar no Canadá, Portugal, Austrália…

Antes de mais nada, é preciso saber que alguns países podem receber aposentados e até incentivar que aposentados se mudem para o país. É o caso de Portugal, onde você só precisa comprovar sua renda para poder se mudar e receber também isenções de impostos no país. O mesmo vale para países como o Canadá, Austrália, e outros países europeus.

O que é importante saber para a possibilidade de se aposentar e mudar para outro país é:

Eles dão preferência para cidadãos bem educados: pós graduados, mestres, doutores e pós doutores tem mais chances de obter a residência.

Renda própria: aposentados que comprovem renda própria ou que possam se sustentar tem mais chances de obter a estadia.

Parentes no país de destino: aposentados que tem parentes no país de destino tem mais chances de obter a residência.

Imposto de renda de 25%: aposentados tem de pagar 25% de sua renda para o governo brasileiro ao se aposentarem e viverem no exterior.

Determinados os critérios para se aposentar no exterior, agora é bom saber como se planejar para morar no exterior.

Aposentado morar em Portugal e outros países: quanto dinheiro você vai precisar?

Calcule quanto dinheiro você tem para viver na aposentadoria. Lembre-se de incluir sua renda de aposentadoria mensal, incluindo pensões, investimentos, previdência e qualquer outro rendimento que você tenha. A partir desse valor, identifique os locais onde você poderia dar ao luxo de viver confortavelmente no orçamento de aposentadoria que você calculou, descobrindo onde o orçamento mensal de aposentadoria que você identificou para você comprará o estilo de vida que você está procurando. Alguns países dão boas-vindas para os aposentados dos expatriados e oferecem incentivos e benefícios especiais para a multidão de aposentados. Nos países que oferecem programas especiais de visto para aposentados, você geralmente se qualifica ao mostrar uma renda mínima mensal. Outras opções incluem fazer um investimento em uma empresa ou imóveis, ou ter uma certa quantia de dinheiro depositada em um banco local. É possível também procurar países onde você possa morar por um período de tempo todos os anos. É a opção de muitos aposentados que não querem morar em tempo integral no exterior.

Morar no exterior aposentado

Os aposentados que querem morar no exterior podem tornar isso possível com planejamento para realizar esse sonho sem estragar a saúde financeira. (Foto: Edelman Financial)

Considere suas opções para o plano de saúde nos países da sua lista

Seu plano de saúde provavelmente não se aplica no exterior. Você precisará considerar outras opções para cobrir suas despesas médicas no seu novo país, podendo até optar por usar os serviços de saúde pública, dependendo da qualidade. Independentemente do que você decidir fazer sobre o plano de saúde, é bom manter no Brasil um plano de contingência para o caso de uma doença mais grave ou problema de saúde que possa ficar muito caro no exterior. Pode ser recomendado manter um plano de saúde no Brasil..

Imposto de renda de aposentado residente no exterior

Aposentados que moram no exterior tem de pagar 25% de impostos sobre a renda para a Receita Federal. Para compensar os impostos que muitos aposentados tem de pagar aos seus países, muitos destinos de aposentados no mundo oferecem diversos incentivos fiscais aos aposentados, como descontos de impostos em produtos e serviços. Pesquise antes de se mudar pois esse impacto pode pesar bastante sobre suas finanças.

Como receber aposentadoria morando no exterior?

A melhor forma é escolher um banco que tenha unidade no país de destino e no Brasil, como é o caso do Banco do Brasil. Porém, você pode também utilizar de transferências internacionais e outros meios para receber o valor da sua aposentadoria no exterior, lembrando que 25% do valor ficará retido pela Receita Federal.

Uma maneira bem inteligente de se transferir recursos para o exterior hoje é através de moedas virtuais. Porém, é necessário um mínimo de conhecimento desse mercado para que você não acabe perdendo dinheiro. Moedas como BitCoin, LiteCoin, Ethereum, Zcash, entre outras, estão se tornando ótimas opções para se livrar de impostos pesados sobre transferências bancárias, taxas de conversão de moedas e taxas de transferências.

Prepare-se para os aspectos práticos e requisitos administrativos de viver em um novo país

Os desafios práticos de uma nova vida em um novo país incluem tudo, desde abrir uma conta bancária e ativar a eletricidade, TV a cabo e internet, até aprender um novo idioma e encontrar bons prestadores de serviços. Nesta frente, a tecnologia sempre melhorada torna mais fácil que nunca realizar essas tarefas. Hoje, você também pode ficar em contato em tempo real com as obrigações de família, amigos e negócios de qualquer lugar do mundo, se você pode obter uma boa conexão com a Internet.

O segredo para o sucesso prático como aposentado em outro país é organizar sua vida na internet o máximo possível. Este processo é mais provável de ir sem problemas se você começar a fazer isso antes da sua mudança.

Certifique-se de que você possa gerenciar suas vidas administrativas e financeiras. Desta forma, você não terá que se preocupar em não poder acessar uma conta, receber dinheiro, movimentar dinheiro ou pagar uma conta. Você quer que essas funções críticas sejam sem complicações, e não uma distração em sua nova vida. Comece com seu banco e contas de investimento. Estas são talvez as peças mais críticas do quebra-cabeça e as coisas mais importantes para configurar corretamente antes de aproveitar sua aposentadoria no exterior.

Você pretende se aposentar no exterior? Qual tem sido seu planejamento? Como pretende lidar com suas finanças no estrangeiro?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)