Quais as desvantagens de ter o nome sujo?

Escrito na categoria "Educação financeira" por André M. Coelho.

O nome sujo na praça aterroriza muitos dos brasileiros que tem dificuldades em pagar suas contas e manter o nome em dia com o SPC e o Serasa. Mas e quando você perde o controle e acaba sujando o seu nome? Quais são as consequência de ter o nome sujo na praça?

Publicidade

Publicidade

Com quantos anos o nome sai do SPC ou Serasa?

Em 5 anos sua dívida caduca. Isso significa que após esse prazo, seu nome deve ser retirado do SPC ou Serasa obrigatoriamente, Não cumprir com essa obrigação significa que você pode buscar compensações financeiras pela empresa não ter retirado seu nome do cadastro negativo. Vale lembrar que o prazo conta para cada dívida separadamente, o que significa que se você adquiriu uma dívida hoje que entrou no cadastro de negativo e adquiriu outra daqui a um ano que também te negativou, você ainda estará com o nome negativado após cinco anos da primeira dívida porque adquiriu mais uma no meio do caminho.

5 anos pode parecer pouco tempo. Mas é bom ver o que você não vai poder fazer durante esses 5 anos antes de deixar seu nome ser negativado.

Nome sujo: consequências

Quando seu nome entra para o SPC ou Serasa, seu nome está oficialmente “sujo” na praça. A primeira consequência disso é que você não terá mais acesso a crédito fácil e barato no mercado financeiro, seja em bancos ou lojas. Parece pouco, não é?

Porém, isso significa abrir mão dos seguintes serviços do mercado financeiro e do consumidor:

Publicidade

Publicidade

Não parece muito, não é? Você não poderia estar mais errado.

Nome sujo na praça

Ter o nome sujo na praça acarreta sérias consequências para sua vida financeira, e pode prejudicar muito sua vida durante o tempo que você está negativado. (Foto: Brasil Consultas)

Imagine o que vai ser de sua vida durante 5 anos que você não vai poder financiar nada, nem parcelar nada no cartão de crédito. Você também não poderá pegar qualquer empréstimo se houver alguma emergência, e terá de manter um controle financeiro bem estrito porque você não tem um limite de cheque especial para emergências. Imaginou isso tudo? Basicamente, sua vida financeira se tornará um caos, e você pode prejudicar muito os possíveis planos que tenha nesses 5 anos de nome sujo.

Publicidade

Outras consequências indiretas podem afetar ainda mais sua vida. Muitas empresas não contratam funcionários que tem o nome sujo porque julgam que as dificuldades financeiras podem prejudicar o desempenho do funcionário no trabalho. Isso começa um ciclo vicioso de dificuldade em arrumar emprego, o não acesso a empréstimos e financiamentos, e a vida financeira cada vez indo mais pro brejo.

Publicidade

Agora imagine o desespero financeiro que você vai ficar nessa situação. Imaginou? É nesse momento que as pessoas começam a buscar empréstimos para negativados com altas taxas de juros e os agiotas, correndo até risco de vida por fazerem isso. Vale a pena? Com certeza não.

https://youtu.be/lzaSk78-sgY

Posso investir no tesouro direto com nome sujo?

Você pode continuar investindo com o nome sujo, desde que a corretora aceite você como cliente, o que é difícil. Mas qual o sentido de fazer investimentos se você ainda tem uma dívida a pagar? Não faz sentido, e o mais sensato e correto a se fazer é procurar pagar sua dívida antes de sair comprando ações ou fazendo investimentos irresponsáveis.

Vantagens de ter o nome limpo

Além do nome limpo te dar acesso aos diversos serviços do mercado financeiro, você terá muito mais tranquilidade financeira. Hoje em dia é fácil negociar sua dívida para limpar seu nome no SPC ou Serasa. Você consegue descontos e condições vantajosas para se livrar de problemas financeiros com facilidade.

Publicidade

Publicidade

Portanto, nosso conselho: limpe seu nome, o quanto antes. Isso vai te prevenir de problemas financeiros e até coisas mais graves.

Você já teve o nome sujo na praça? Como isso te prejudicou?

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Crédito ou débito? Esta é uma pergunta quase sempre feita ao se pagar com cartão mas é uma questão também comum na vida de muitos brasileiros. Com mais de 300 horas em cursos de finanças, empreendedorismo, entre outros, André formou-se em pedagogia e se especializou em educação financeira. Dá também consultorias financeiras e empresariais quando seus clientes precisam de ajuda e compartilha conhecimentos aqui neste site.

Publicidade

Publicidade

Aviso legal

O conteúdo apresentado no site é apenas informativo com o objetivo de ensinar sobre o funcionamento do mundo financeiro e apresentar ao leitor informações que o ensine a pensar sobre dinheiro. O site Crédito ou Débito não faz recomendações de investimentos e em nenhuma hipótese pode ser responsabilizado por qualquer tipo de resultado financeiro devido a práticas realizadas por seus leitores.

Deixe um comentário