Lidar com os pais mais velhos pode claramente causar um peso emocional e financeiro, mas você pode tornar o processo muito mais fácil se você começar a preparar antes de seus pais enfrentarem graves problemas de saúde. Para começar, aqui está um olhar sobre seis etapas básicas que você precisará tomar.

Filhos que cuidam dos pais idosos devem ter um plano financeiro próprio

A primeira coisa que os filhos de pais idosos precisam fazer é proteger sua própria segurança financeira. Muitas pessoas podem enfrentar graves dificuldades financeiras ao cuidar dos pais. É claro que queremos estar lá para mães e pais, mas é importante conhecer sua própria capacidade financeira para ajudar. Se você tem seu próprio plano no lugar, um que leva em conta a probabilidade de você viver mais do que seus pais, você conhecerá melhor seus limites.

Infelizmente, a maioria dos idosos hoje não se preparou adequadamente para a terceira idade e, quando eles sabem que precisarão de cuidados de saúde ou outros, os custos são extremamente caros. Mas se você tiver pais que estão envelhecendo, um bom plano de saúde pode fornecer a certeza de poder economizar nos cuidados de saúde de seus pais.

Cuidar dos pais na velhice significa ter uma conversa aberta com eles

Fazer com que seus pais sejam francos com você sobre a situação financeira pode ser muito difícil. Durante décadas, eles foram os que cuidaram de você, e os que deram conselhos. Inverter esses papéis pode pesar tanto para você quanto para seus pais. É por isso que uma conversa sincera é importante. Tente abordar o assunto de tal forma que parece ser você pedindo ajuda, em vez de oferecendo. Estamos envelhecendo ao lado de nossos pais, então manter o ônus sobre si mesmo faz sentido. Você poderia perguntar algo do tipo: “pai, eu pensei sobre minha estabilidade financeira de longo prazo e parece que você está indo bem. Como você planejou sua vida financeira?”. Desta forma, você pode afastar possíveis problemas e descobrir outros que não imaginava existirem.

Cuidados financeiros com pais idosos

A preparação financeira para cuidar de pais idosos é importante para garantir que ninguém passe por dificuldades nesse momento complicado. (Foto: Gateshead Carers)

Buscar ajuda pode ser necessário para cuidar de pais idosos

Lidar com pais idosos pode ser uma fonte de argumentos entre irmãos. Se você estiver assumindo a liderança, é importante envolver seus irmãos no início do processo, tanto para evitar o ressentimento quanto para evitar ter o fardo colocado inteiramente sobre seus ombros. Também é uma boa ideia envolver os profissionais na conversa: médico, advogado e consultores financeiros, ou pessoas em que seus pais já confiam. Isso aumentará a autoridade externa para suas discussões, e ajudará a aliviar o peso que os pais sentem por terem de receber ajuda dos filhos.

Torne o processo de cuidar de seus pais algo dentro da lei

Caso a saúde de seus pais se deteriore rapidamente, você ou um aliado de confiança precisarão receber autoridade legal para tomar decisões financeiras e de saúde para eles. Documentos como o poder de decisão legal permitirão um suporte legal para tomar decisões financeiras em nome de seus pais, caso eles fiquem incapacitados. Um advogado especializado em heranças pode ajudar a gerir as propriedades de seus pais em circunstâncias delicadas, e fazer um testamento pode ajudar ainda mais a aliviar a pressão sobre toda a família.

Simplifique a sua vida financeira e a de seus pais

Muitos idosos são resistentes às operações bancárias online, mas mostrando a eles como mexer nessas transações permitirá que eles estabeleçam o pagamento automático de contas, o que os ajudará a manter suas responsabilidades financeiras. Isso também permitirá monitorar as finanças e garantir que tudo esteja bem. Muitas pessoas tem seus ativos financeiros espalhados entre uma variedade de instituições financeiras; Você quer consolidar esses ativos em uma ou duas instituições para garantir a simplificação das etapas.

Assuma o controle da situação gradualmente

À medida que você começa a assumir um papel maior nos cuidados médicos e financeiros de seus pais, é importante fazer a transição lentamente, se possível. Dê-lhes autonomia onde podem lidar com ela, pois isso reduzirá a tensão entre você e seus pais. Por razões de saúde, também é importante para seus pais manterem uma sensação de autonomia e autoconfiança.

À medida que vocêavançar no processo de assumir a responsabilidade por seus pais, a coisa mais importante que você pode fazer por si mesmo é aprender com as experiências deles. Hoje as pessoas vivem por muito mais tempo, e essa tendência provavelmente continuará. Fazer coisas como comprar um plano de saúde adequado e configurar suas próprias diretrizes legais enquanto você ainda é jovem vai tornar o processo muito mais suave quando você e seus filhos enfrentarem essa situação.

Como você cuida financeiramente de seus pais idosos? Que dicas daria para quem está começando a pensar em oferecer esses cuidados?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)