Como comprar pela internet sem pagar 6.38% de IOF?

Escrito na categoria "Câmbio" por André M. Coelho.

O brasileiro tem ganho a cada ano mais poder de compra. Ou seja, estamos consumindo mais e usando o dinheiro extra para realizar sonhos de consumo. E o dólar mais barato só ajuda a alimentar esse consumismo pois a cada ano que passa, compramos cada vez mais no exterior, seja pela internet, seja quando viajamos para fora do país.

Publicidade

Publicidade

Porém, toda compra no exterior feita com cartões de crédito, a forma mais comum para o pagamento de compras fora do Brasil, sobre a cobrança de IOF, o Imposto Sobre Operações Financeiras, que custa um total de 6,38% do valor original pago no cartão de crédito. Isso acaba encarecendo um pouco os produtos e podem fazer com que não valha tanto a pena fazer a compra deles fora do país. Será que temos alternativa para escapar do pagamento do IOF e assim, poder pagar menos pelos produtos?

Como comprar no exterior sem pagar IOF?

No Brasil, existem instituições financeiras e bancos que emitem um tipo de cartão de débito internacional recarregável, um cartão pré-pago. Com o uso deste cartão, você paga 0,38% de IOF sobre a recarga e não sobre a compra, uma vez que não há fatura de cartão nem transação de câmbio no momento da compra. O cartão pré-pago paga um imposto menor e o câmbio é feito na hora que o cartão é recarregado.

Publicidade

Publicidade

Alguns destes cartões, não todos, podem ser usados para comprar em lojas na internet diretamente do exterior. Se você quer utilizar o cartão estritamente para este fim, entre em contato com a loja de onde você quer fazer a compra para saber se cartões pré-pagos são aceitos como forma de pagamento. Agora, em compras de lojas físicas no exterior, o cartão funciona como um cartão de débito normal.

Procurando menor IOF

O IOF é um dos impostos que podem tirar toda a vantagem de uma compra feira pela internet do exterior. Porém, com o cartão pré-pago, pelo menos você diminui o impacto que o IOF terá no seu bolso. (Foto: divercidade.com)

Publicidade

É possível o saque de dinheiro em espécie mediante o pagamento de uma tarifa extra no ato do saque, que depende da instituição que emitiu o cartão. Verifique estas tarifas antes de fazer o saque, pois elas são normalmente um pouco altas.

Publicidade

Cartões pré-pagos não possibilitam o parcelamento de compras e muito menos a participação em programas de milhas. Além disso, o cliente que opta por este cartão tem que lidar com o câmbio na hora do pagamento, quando é utilizado o dólar turismo, que é um pouco mais caro que o dólar comercial. Em alguns casos, fugir do IOF pode ficar mais caro por conta da cotação do dólar. Portanto, é bom ficar de olho nisso antes de confirmar a aquisição do seu cartão pré-pago.

Uma boa forma de fazer esse cálculo é pegar o dólar comercial (usado para o cartão de crédito) e o dólar turismo e multiplicar pelo valor original do produto. No primeiro resultado, do cartão de crédito, você ainda acrescenta o total de 6,38% correspondente ao IOF. No segundo, acrescente 0,38% de IOF e veja qual sai mais em conta.

Como adquirir um cartão pré-pago internacional?

Publicidade

Publicidade

Entre em contato com ser banco ou instituição financeira e solicite as opções de cartões pré-pago. Uma rápida pesquisa na internet  também te dará muitas outras opções e possibilita a comparação entre eles para você obter aquele que oferecer os melhores benefícios.

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Crédito ou débito? Esta é uma pergunta quase sempre feita ao se pagar com cartão mas é uma questão também comum na vida de muitos brasileiros. Com mais de 300 horas em cursos de finanças, empreendedorismo, entre outros, André formou-se em pedagogia e se especializou em educação financeira. Dá também consultorias financeiras e empresariais quando seus clientes precisam de ajuda e compartilha conhecimentos aqui neste site.

Publicidade

Publicidade

Aviso legal

O conteúdo apresentado no site é apenas informativo com o objetivo de ensinar sobre o funcionamento do mundo financeiro e apresentar ao leitor informações que o ensine a pensar sobre dinheiro. O site Crédito ou Débito não faz recomendações de investimentos e em nenhuma hipótese pode ser responsabilizado por qualquer tipo de resultado financeiro devido a práticas realizadas por seus leitores.

Deixe um comentário