Há uma forte relação entre o sentimento de controle de suas finanças e se sentir feliz com suas finanças. Também há um grande relacionamento entre se sentir no controle de suas finanças e sentir-se feliz com a sua vida.

O controle sobre suas finanças desempenha um papel maior na determinação da felicidade de sua vida do que estar no controle de seu trabalho, sua saúde, suas amizades, o seu peso. É claro que vale a pena lutar por este controle.

Então, como você pode obter um maior controle sobre suas finanças, e mais felicidade em sua vida? Aqui vão 10 Mandamentos da Felicidade Financeira que você pode seguir e que garantimos que terão ótimos resultados para suas finanças e alegria em vida.

Tu deves ficar “muito” bem organizado

Tenha algum tipo de sistema que você entenda e que lhe permite manter o controle de suas finanças de forma rápida e sem problemas. Pessoas muito bem organizadas e podem encontrar o que precisam rapidamente são mais felizes do que aquelas que não são e os que não podem. Por quê? Porque eles não estão perdendo tempo procurando as informações de que necessitam.

Tu deverás pagar contas quando elas chegarem e não depois de acumuladas

As pessoas que pagam suas contas assim que elas chegam são mais felizes. Por quê? Porque pagar tudo de uma vez é um trabalho penoso, e vendo todo o dinheiro voar do seu bolso de uma só vez pode ser emocionalmente desgastante.

Tu deves manter o controle sobre o seu dinheiro

Se você acha que o dinheiro evapora fora de sua carteira e você não sabe para onde vai, você é mais propenso a ser infeliz. Qual é a melhor maneira de impedir que isso aconteça? Mantenha seus recibos, ou retire uma certa quantia de dinheiro em determinados intervalos de tempo. Além disso, as pessoas que equilibram seus orçamentos são regularmente mais felizes do que aquelas que não o fazem.

Tu pouparás pelo menos 5 por cento de sua renda familiar

Pessoas que poupam são mais felizes. Existe uma relação muito forte entre poupança, investimento e ser feliz em tudo com suas finanças. Na verdade, para aqueles que poupam pelo menos 5% do seu rendimento, a sua felicidade aumenta. Recomenda-se a criação de um programa automático de poupança, que transfere o dinheiro de sua conta corrente para a poupança antes de você ter a chance de gastá-lo. Com o tempo, você pode gradualmente aumentar o seu percentual de economia para bem além de 5%.

Abrindo possibilidades financeiras

Ao seguir os dez mandamentos da felicidade financeira, um mar de possibilidades será aberto para você e sua felicidade financeira. (Foto: thebillfold.com)

Tu deves proteger a sua família e a si mesmo

Fazer todo o possível para abrigar-se de dificuldades financeiras no futuro é uma parte importante da felicidade financeira. Ter um fundo de emergência, escrever um testamento, e comprar seguro de invalidez e vida vai ajudar a reduzir o estresse financeiro e preocupação.

Tu deves minimizar a dívida do cartão de crédito

Dívida de cartão de crédito que não é paga drena a felicidade financeira e de vida. Então busque eliminar a dívida de cartão de crédito ajuda para aumentar a felicidade, pagando sempre a fatura inteira e buscando nunca ter que parcelar compras.

Tu deves ajudar os outros

Voluntariado, doação dinheiro ou objetos, doação de mantimentos tem a capacidade de adicionar à sua felicidade pessoal. Entre todas as atividades de caridade, dar dinheiro para as causas em que você acredita tem o laço mais forte para a felicidade pessoal, juntamente com o ajudar pessoalmente essas causas.

Tu deves gastar de forma sensata

Dê uma olhada onde você regularmente gasta dinheiro. Você consegue identificar itens específicos que estão sabotando a sua capacidade de viver dentro de seus meios? Se assim for, encontre uma maneira de eliminar ou reduzir os seus gastos nesse meio. Gaste não mais do que você pode pagar em qualquer coisa e terás uma maior felicidade (e inteligência) financeira.

Tu deves começar a trabalhar em direção a seus objetivos

Atingir a felicidade não é uma questão de ter alcançados seus objetivos, mas uma questão de fazer progressos. As pessoas que estão constantemente trabalhando para seus objetivos são muito mais próximas dos níveis de felicidade de pessoas que já estão lá do que aquelas que demoram a fazer essa busca.

Tu deves se comunicar

Constantemente lutar com o seu cônjuge sobre dinheiro é um dreno da felicidade e por isso não deixe de envolver o outro em suas decisões de gastos e empréstimos. Se você pode se comunicar sobre o dinheiro de uma forma positiva, é provável que você viva uma existência financeira mais feliz.

Tu não serás consumido com o desejo por mais

Eu sei, isso era para ser 10 mandamentos, mas um extra trás boa sorte. Os 10 primeiros mandamentos são relacionados ao comportamento orientado, o última deles é uma questão de atitude. Você deve se concentrar em aproveitar a vida que você já tenha alcançado em vez de continuamente querendo mais, trabalhando para as conquistas graduais e consistentes ao invés de conquistas rápidas e que irão se esvair com o tempo.

Considerações Finais

Tenho notado que quanto mais “pequenas vitórias” ou sucessos que temos ao longo do caminho, mais motivação nós geramos para continuar nos pressionando até que seja alcançado o nosso objetivo.

E você? Você está financeiramente feliz? Será que esses 10 Mandamentos da Felicidade financeira podem ajudar para aumentar a sua felicidade em suas finanças e na sua vida?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)