O Débito Automático é um recurso que os bancos e instituições financeiras oferecem para clientes que querem que suas contas de serviços, cartões de crédito, e alguns boletos bancários, sejam cobrados automaticamente de suas contas corrente. Dessa forma, não é necessária qualquer preocupação com contas sendo pagas depois do vencimento, incorrendo multas e juros que podem te deixar um pouco endividado.

Agora, imagine a situação: você fez o cadastro de suas contas para o débito automático e certo dia, recebe um aviso de cobrança que está devendo uma das contas. Ao entrar em contato com a prestadora de serviços que cobrava o boleto por débito automático, você descobre que a cobrança automática foi cancelada e você não recebeu qualquer aviso sobre isso. O que então você pode fazer? Será que a empresa poderia fazer isso? Vejamos.

Cancelamento de débito automático.

Quando um débito automático é cancelado, o mínimo que a empresa que faz as cobranças deve fazer é avisar o cliente sobre o cancelamento. (Foto: Consórcio Luiza)

Cancelamento de débito automático sem aviso: monitore sua conta corrente

Antes de qualquer coisa, você precisa monitorar sua conta corrente para saber, sempre, se suas contas estão sendo debitadas normalmente, nas datas de vencimento. Dessa maneira, você sempre vai saber se o débito automático não foi cobrado corretamente e tomar uma providência imediata, como tirar a segunda via da fatura para pagamento.

Débito automático foi cancelado sem me avisarem: saldo insuficiente

Um caso muito comum de cancelamento de débito automático sem aviso é quando sua conta não tem saldo suficiente para quitar a cobrança. Assim, muitas cobranças de débito automático podem ser canceladas em um mês porque sua conta não tinha dinheiro, e continuarem canceladas até você reativar o débito automático.

A solução aqui é verificar sempre sua conta para o saldo de pagamento dos débitos automáticos e, caso você não tenha limite na conta no dia, retirar a segunda via da fatura para pagamento avulso usando outra conta, cheque, ou dinheiro vivo.

Débito automático cancelado sem aviso: cancelamento sem motivo aparente

Em alguns casos raros, pode ser cancelado o débito automático sem um motivo aparente. Tal cancelamento pode ser realizado porque, por exemplo, a prestadora de serviços que faz a cobrança cancelou a parceria com a instituição financeira, porque você não atualizou seus dados da conta bancária com a empresa que faz as cobranças de débito automático, ou porque a instituição atualizou o sistema de débito automático e não renovou os seus cadastros.

No primeiro caso, do cancelamento da parceria da empresa que faz as cobranças, tal cancelamento deve ser avisado por telefone, mensagem, o email. Verifique sempre sua caixa de email, inclusive na pasta de spam, para garantir que você está sendo informado sobre seu débito automático corretamente.

No segundo caso, é necessário lembrar que bancos e instituições financeiras pedem que você atualize seus dados bancários com uma certa frequência, incluindo comprovantes de renda e de residência. Assim, pode ser possível haver problemas com a cobrança por causa dos dados não atualizados.

No terceiro caso, você deve sempre estar monitorando sua conta para saber se os débitos automáticos estão ainda autorizados. Pelo seu internet banking, dá pra saber os débitos automáticos que estão cadastrados, indo na seção de Pagamentos e depois procurando por Débitos Automáticos autorizados/cadastrados. Confira isso numa base regular, para saber se está tudo bem. No caso de débito automático de cartões de crédito, você pode ir na seção de cartões do seu internet banking e verificar se estão autorizados.

O que fazer se seu débito automático foi cancelado e você atrasou uma conta?

Entre em contato com a empresa que cancelou o débito automático e busque saber o motivo do cancelamento. Avise que você não recebeu qualquer informação sobre o cancelamento do débito automático e peça um estorno dos juros e/ou multa pelo atraso no pagamento. Bancos, instituições financeiras, e prestadores de serviços públicos (luz, água, gás, etc), são menos flexíveis nesse aspecto. Empresas de telefonia, cartões de crédito de empresas do varejo, cartões de crédito avulsos, entre outros prestadores de serviços, também são flexíveis nesses estornos. Faça esse pedido também na ouvidoria da empresa.

Caso você não obtenha o estorno, leve suas contas, comprovantes de pagamento, extrato do banco, e comprovante do débito automático até o PROCON de sua cidade, para formalizar sua reclamação. Caso não seja resolvido, o Tribunal de Pequenas Causas é uma maneira excelente de garantir seus direitos.

Você já teve contas atrasadas por conta de débitos automáticos cancelados? O que você fez para resolver o problema? Você foi avisado ou não sobre o atraso?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)