Se você está curioso sobre o potencial de investimento de imóveis ou simplesmente cansado de comerciais prometendo retorno do investimento de uma maneira nova ao investir em imóveis, vale a pena aprender como a riqueza é criada através de investimentos imobiliários.

Nós não estamos olhando para as estratégias de como lucrar com imóveis. Em vez disso, este artigo incidirá sobre as formas básicas que o dinheiro é feito através de bens imóveis. Felizmente, estes princípios não mudaram em séculos, e não mudarão, te dando um excelente norte de informação sobre como lucro é construído sobre as transações imobiliárias.

Valorização

A fonte mais comum para o lucro imobiliário é a valorização do imóvel em questão. Isto é conseguido de diferentes formas para diferentes tipos de imóveis. Mais importante, é apenas realizada através da venda.

Terrenos

A fonte mais óbvia de apreço para terrenos não urbanizados, é claro, é desenvolvê-lo. Enquanto as cidades se expandem, a terra fora dos limites torna-se cada vez mais valiosa por causa do potencial para ser comprada por desenvolvedores. Então os desenvolvedores constróem casas que aumentam esse valor ainda mais.

Valorização da terra, também pode vir de descobertas de minerais valiosos ou materiais, desde que o comprador tenha os direitos. Um exemplo extremo disto pode vir de depósitos de cascalho, plantas e assim por diante.

Imóveis residenciais

Ao buscar por imóveis residenciais, a localização é muitas vezes o maior fator de valorização. Quando o bairro em torno de uma casa evolui, adicionando rotas de trânsito, escolas, centros comerciais, parques infantis e assim por diante, o valor sobe. Claro, essa tendência também pode funcionar em sentido inverso, com os valores das casas caindo quando um bairro decai.

Melhorias também pode estimular a apreciação, e isso é algo que um proprietário pode controlar diretamente. A atualização para uma garagem maior e a remodelação de um conceito de cozinha aberta são apenas algumas das maneiras que um proprietário pode tentar aumentar o valor de uma casa. Muitas dessas técnicas foram refinadas para correções de alto retorno por empresas que se especializam em agregar valor a uma casa em um curto espaço de tempo.

Lucrando com a venda de imóveis

Construir riqueza com imóveis é atraente, mas difícil, se você não conhecer o mercado. (Foto: www.axis21.com.br)

Propriedades comerciais

Propriedades comerciais ganham valor, pelas mesmas razões dos dois tipos anteriores: localização, desenvolvimento e melhorias. Os melhores imóveis comerciais estão sempre em demanda, e isso impulsiona o preço em cima deles.

O papel da inflação na apreciação

Uma inflação de 10% significa que só pode ser comprado cerca de 90% do mesmo bem no ano seguinte, e que inclui a propriedade. Se um pedaço de terra era de R$100.000 em 1990, e você o deixou intacto, ainda valeria a pena muitas vezes mais hoje. Por causa da inflação galopante ao longo dos anos 90 e um ritmo constante, seria provável assumir R$500.000 para comprar o mesmo terreno hoje, supondo que R$ 100.000 foi um justo valor de mercado na época e todos os outros fatores permaneceram constantes.

Assim, a inflação por si só pode causar valorização no mercado imobiliário. Mesmo que você possa ter cinco vezes o dinheiro devido à inflação, muitos outros bens custam cinco vezes mais para comprar agora, criando um lucro ilusório.

Renda constante com imóveis

O aluguel de imóveis pode vir de várias forma:

  • Aluguel de terra: dependendo de seus direitos sobre a terra, as empresas podem pagar para quaisquer descobertas ou pagamentos regulares para todas as estruturas que colocam em seu terreno. Estes incluem instalações elétricas, tubulações, poços de cascalho, estradas de acesso, torres de celulares e assim por diante. Terra crua também pode ser alugada para a produção agrícola, em geral;
  • Aluguel de imóveis residenciais: embora seja possível que você pode ganhar uma renda a partir da instalação de uma torre de celular ou outra estrutura, a grande maioria dos rendimentos de propriedade residencial vem na forma de aluguel. Seus inquilinos pagam um valor fixo por mês e isso vai subir com a inflação e a demanda, e que você tire seus custos dele e reivindicar a parte restante como renda, mas normalmente em uma rentabilidade muito abaixo do que o dinheiro investido no imóvel daria no mercado financeiro;
  • Aluguel de imóveis comerciais: propriedades comerciais podem produzir renda a partir das fontes mencionadas, com o aluguel básico novamente sendo o mais comum, mas também podem adicionar mais uma na forma de renda como opção. Muitos inquilinos comerciais vão pagar taxas para garantir o local perante os concorrentes, desde que respeitadas as leis que regem o aumento os preços dos aluguéis.

E fundos de investimento imobiliário?

Fundos de investimento imobiliário são geralmente considerados boas formas de obter rendimentos sobre bens imobiliários. Isso é verdade, mas apenas no sentido de que o imobiliário é a segurança subjacente. O proprietário de vários imóveis comerciais vende ações para investidores, geralmente para financiar a compra de mais propriedades e, em seguida, passa sobre a renda na forma de distribuição de lucros. O fundo é o senhorio para os moradores (que pagam aluguel), mas os donos dos fundos obtém a renda uma vez que as despesas de funcionamento dos edifícios e do fundo são retirados. Analisando bem, pode ser um bom investimento, se você entender o mercado suficientemente bem.

Custos dos imóveis

Do momento em que você compra um imóvel até vendê-lo, muitos custos estarão envolvidos e poderão minar todo o seu lucro. Cuidado! (Foto: hammertime.com.br)

Custos de um imóvel para o investidor: um cuidado importante

Todo ano, um imóvel construído irá depreciar, ou seja, perder seu valor. Seja por conta da necessidade de obras ou manutenção, haverá então um custo para este imóvel. Temos também os custos de IPTU, que são de responsabilidade do proprietário, mesmo no aluguel. O valor de um imóvel entrará também no seu imposto de renda, resultando em prováveis custos para seu bolso. Vale também investir em um seguro para garantir que mesmo que seu imóvel tenha danos ou precise de manutenção, os custos não serão muito altos. E, na maior parte dos contratos, isso é de responsabilidade do locador.

Na hora em que a venda é realizada, você pagará impostos sobre o lucro que teve no imóvel. A exemplo, se você comprou um imóvel por R$40.000 e o vendeu por R$80.000, pagará impostos sobre os R$40.000 que lucrou. Analisar este investimento dependerá de uma observação do mercado, da lucratividade de outros investimentos e confirmação se a venda do imóvel realmente traz rendimentos maiores do que outros tipos de investimento ou o lucro de apenas alugar o imóvel.

Na maior parte das vezes, mesmo pagando os impostos, a lucratividade da venda de um imóvel é maior ou equivalente a outros produtos de nosso mercado financeiro, mas pode variar de acordo com a época.

Pensamentos finais

Se alguém está a tentar vendê-lo em uma nova maneira de ganhar dinheiro no mercado imobiliário que não seja comprando na baixa do mercado e vendendo na alta do mercado ou na coleta de aluguel, provavelmente eles estão tentando se aproveitar de você.

Já se o processo vale a pena ou não é com você, mas saiba que a forma como o dinheiro vai render um lucro não mudará muito com os anos e será baseado em uma ou mais das ideias aqui destacadas.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)