Hoje em dia muitos estabelecimentos comerciais como supermercados e lojas de departamentos oferecem cartões ao seus clientes. As promessas são muitas e as vantagens informadas no momento da contratação parecem bem atraentes. Porém a propaganda não fala dos problemas e custos que você inevitavelmente terá.

Várias tipos de lojas oferecem cartões como:

  • Supermercados: Carrefour, Walmart, Guanabara, Prezunic, Sonda, Savegnago, Extra, Americanas, Magazine Luiza, etc…
  • Postos de combustível: Petrobras, Ipiranga.
  • Lojas de departamento: C&A, Renner, Leader, Riachuelo.

Todos estes estabelecimentos e vários outros oferecem os cartões como sendo vantajosos do ponto de vista do cliente, que poderá comprar em várias parcelas, obterá descontos em alguns produtos e formas de pagamento melhores que os clientes que não tenham o cartão. Outros ainda oferecem sorteios para quem fizer compras a partir de um certo valor.

Cartão de loja de departamento

Cartões de lojas não valem a pena

Não se engane: o motivo real do oferecimento destes cartões é financiar para quem não tem cartões de crédito comum. Qualquer um que tenha um cartão de crédito pode financiar, mas a loja facilita para quem não tem um cartão ou um limite disponível, e cobra juros de cartão de crédito por isso. Os juros são tão altos que compensa alguma inadimplência.

11 motivos para não fazer cartões de lojas

  1. O seu cartão de crédito comum já vai permitir parcelamentos “sem juros”, em muitos casos, sem a cobrança de taxa de fatura ou tarifas extras.
  2. Os descontos oferecidos nunca pagam as taxas cobradas na utilização, chamada de taxa de extrato, taxa de utilização, tarifa de manutenção… etc. Parece pouco, mas fica caro no fim do ano.
  3. Não lhe informam de tudo na hora da adesão. Porque comprar algo de alguém que está lhe omitindo informações?
  4. Nem sempre é possível pagar pela internet, sendo necessário ir à loja todo mês efetuar o pagamento (e possivelmente comprar por impulso de novo).
  5. Em caso de atraso, taxas de juros às vezes mais altas que os cartões de crédito convencionais.
  6. É mais um cartão para se preocupar, carregar e resolver problemas.
  7. Só servem para um rede de lojas específicas, ao contrário do cartão de crédito comum.
  8. As chances de ganhar algum prêmio são mínimas.
  9. Na maioria absoluta dos cartões, o parcelamento é com juros, nem sempre informados.
  10. Muitos não acumulam milhas para viagens aéreas.
  11. Em alguns casos, não tem programas de recompensa como os cartões de crédito tradicionais.

Agora que você já sabe que os cartões de loja não compensam, experimento perguntar na próxima loja que lhe oferecerem um cartão:

  • qual a taxa de juros do parcelamento?
  • quanto sai no fim do ano a tarifa mensal?
  • qual produto tem um bom desconto que compense este cartão?

Com certeza você perceberá que mesmo quem está lhe vendendo não tem boas respostas para estas perguntas!

E você? Tem muitos cartões de lojas? Já está preparado para se livrar deles?

Um comentário para “11 motivos fortes para nunca fazer cartões de lojas!”

  1. Marcos

    Eu recebi o Itaucard 2.0 mastercard gold em casa!
    Só que eu já tenho o mastercard da c&a a bastante tempo, e meu limite é bastante alto 5.680 por eu usar muito com passagens aéria no trabalho, eu tenho medo de cancelar este cartão e quando desbloquear o Itaucard 2.0 mastercard gold o limite ser muito baixo.
    Voçês poderiam me dizer qual seria o meu limite de credito do cartão novo?
    Obrigado

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)