O cartão de crédito, como todo empréstimo, é uma dívida. O banco, através de uma agência de crédito, seja Visa, MasterCard, American Express etc, lhe oferece a possibilidade de endividamento limitado, sempre levando em conta a movimentação em sua conta bancária, e, caso o cliente tenha interesse, a agência autoriza o banco a criar o cartão.

O cartão de crédito em si é um modo de pagamento, um cartão plástico que possui inscrito o nome do usuário, o número do cartão, a data de validade na frente e verso, um espaço para assinatura e um número de segurança. Some-se a estes dados, o cartão possui uma tarja magnética que estabelece a identidade eletrônica com o sistema bancário quando utilizado.

Cartões de Crédito

Cartão de Crédito, imagem de Zisno.com

Os usuários de cartões de crédito recebem mensalmente sua fatura, isto é, a cobrança das dívidas contraídas, e o portador deve sempre optar pelo pagamento integral da fatura, pois, caso contrário, o banco e a agência de crédito cobram altas taxas de juros, como no caso do pagamento do valor mínimo ou mesmo no não pagamento da fatura. O rolamento, isto é, o adiamento do pagamento, pode contrair ainda mais dívidas, tornando-se, ao invés de um benefício, uma verdadeira armadilha. Mas, uma vez paga a fatura, o limite de crédito volta a ser liberado.

A grande comodidade promovida pelo cartão de crédito é o prazo ampliado para pagar as compras efetivadas: é como um freguês em que o dono de um comércio confia tanto que permite que pague no mês seguinte. Entretanto, esta “confiança” das agências de crédito se dá em função dos múltiplos lucros que esta modalidade de empréstimo oferece, seja nos juros ou nas taxas de anuidade, por isto é importante atenção ao valor destas taxas.

Cartão de débito

O cartão de crédito e o cartão de débito, apesar de poderem funcionar em um mesmo cartão, são duas modalidades de pagamento distinta. O cartão de crédito, como explicamos, serve como um endividamento, uma prorrogação do momento de pagamento para a fatura seguinte. Já o cartão de débito é a ligação direta entre o estabelecimento comercial e sua conta corrente, isto é, você estará utilizando o seu dinheiro depositado em conta bancária, em conta corrente, para fazer o pagamento das compras. Por isto, no momento de fazer as compras é sempre importante informar que em qual modalidade o pagamento será feito.

Caso se perca o cartão, seja de débito, crédito ou conjunto, deve-se ligar imediatamente para o Serviço de Atendimento ao Cliente – SAC – e pedir a suspensão do cartão e também registrar boletim de ocorrência junto à delegacia mais próxima. Isto é extremamente importante para coibir a ação de criminosos que roubam cartões de crédito.

Como fazer um cartão de crédito

Os cartões de crédito podem ser feitos diretamente no banco, por internet ou por telefone. É recomendável sempre solicitar seu cartão de crédito junto ao gerente, e lendo o contrato inteiro, pois você terá que assiná-lo integralmente, e todas as dúvidas devem ser esclarecidas diretamente com seu vendedor, no caso o gerente. A maioria dos bancos exige que você tenha uma conta corrente para que a agência de crédito autorize a solicitação. O consumidor deve sempre pesquisar as taxas de juros, o valor da anuidade e encargos que cada banco oferece, pois podem variar muito. Para se obter mais crédito os bancos solicitarão a comprovação de renda maior que o valor de crédito, portanto, quanto maior sua renda, maior será a oferta de crédito por parte do banco.

A comparação dos serviços de cartões de crédito oferecidos pelos bancos é vital para economizar as despesas, portanto é indispensável fazer uma pesquisa sobre as vantagens dos serviços oferecidos pelos diversos bancos. Os bancos podem oferecer promoções e descontos para o primeiro ano, bem como as taxas que aparecem depois deste prazo. Há também a possibilidade de obter múltiplos cartões de crédito, embora não seja recomendável, pois se torna mais difícil controlar os gastos e agendar os pagamentos.

Cabe também ao usuário pesquisar as vantagens oferecidas não somente pelos bancos, mas pelas agências de crédito (Visa, MasterCard, American Express e outras) para que saiba se a abrangência do serviço de tais agência atende às necessidades, isto é, se os comércios frequentados aceitam os serviços destas operadoras de crédito, que são internacionais e operam na maior parte do Brasil.

Documentos necessários para adquirir um cartão de crédito

  • CPF
  • Carteira de Identidade
  • Comprovante de endereço
  • Comprovante de renda

Uma vez solicitado o cartão de crédito, o consumidor deverá aguardar a autorização e a liberação do cartão de crédito. Dependendo do banco, o consumidor deverá pegá-lo no banco (o prazo pode ser de três semanas por exemplo) ou deverá ser enviado por correio. Caso o cartão demore mais de um mês para chegar, deve-se ligar imediatamente para o banco para esclarecer.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)