Aplicativos para declaração do seu imposto de renda

Escrito na categoria "Educação financeira" por André M. Coelho.

A tendência das agências do Governo Federal é otimizar seus sistemas, informatizando o máximo possível e proporcionando melhores experiências para o cidadão brasileiro. Não é diferente com a Receita Federal, que de uns anos para cá vem otimizando e informatizando mais ainda as ferramentas para declaração do imposto de renda. A receita tem disponível aplicativos que funcionam em smartphones, tablets e computadores.

Para sistemas operacionais Android, na Google Play, ou iOS, na App Store,  existe o aplicativo Pessoa Física. Este aplicativo permite que o cidadão declarante possa consultar informações sobre a liberação das restituições das declarações do IRPF (Imposto de Renda da Pessoa Física) e a situação cadastral de uma inscrição CPF (Cadastro de Pessoas Físicas), consultados diretamente do banco de dados da Receita Federal. Além disso, estão disponíveis também informações sobre o processo de restituição do IRPF. Assim, consegue-se uma informação imediata e precisa, sem a necessidade de burocracia ou de sair de casa. Você ainda pode colaborar com o desenvolvimento do aplicativo através de uma avaliação que pode ser feita pela própria interface do mesmo.

Informatização da Receita

Cada ano que passa, a Receita fornece mais facilidades para os contribuintes brasileiros. Esse ano, temos o aplicativo, que facilita a consulta dos lotes da Receita Federal. (Foto: www.noticiasnumclick.com.br)

Agora, para o download do programa da declaração do Imposto de Renda, você deverá acessar o site da Receita Federal e fazer o download do aplicativo para o seu sistema operacional. Para algumas situações, é necessário a utilização de alguns programas auxiliares, também disponíveis no site, tais como Atividade Rural , Ganho de Capital , Ganho de Capital em Moeda Estrangeira e Carnê-Leão .

Note que os aplicativos móveis servem mais como suporte do que para a declaração em si, que deve ser feita apenas pelo programa da Receita Federal. Recomendamos que você consulte um contador para aprender um pouco mais sobre o programa e assim, não faça algo muito errado. Tenha em mente de se dedicar um pouco para aprender os recursos do mesmo e assim, otimizar sua declaração de forma a não tomar muito tempo da sua vida.

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Crédito ou débito? Esta é uma pergunta quase sempre feita ao se pagar com cartão mas é uma questão também comum na vida de muitos brasileiros. Com mais de 300 horas em cursos de finanças, empreendedorismo, entre outros, André formou-se em pedagogia e se especializou em educação financeira. Dá também consultorias financeiras e empresariais quando seus clientes precisam de ajuda e compartilha conhecimentos aqui neste site.

Aviso legal

O conteúdo apresentado no site é apenas informativo com o objetivo de ensinar sobre o funcionamento do mundo financeiro e apresentar ao leitor informações que o ensine a pensar sobre dinheiro. O site Crédito ou Débito não faz recomendações de investimentos e em nenhuma hipótese pode ser responsabilizado por qualquer tipo de resultado financeiro devido a práticas realizadas por seus leitores.

Deixe um comentário