O empréstimo consignado é muito divulgado hoje em dia para aposentados e pensionistas do INSS. Apesar de sua fama e público maiores estarem dentro deste rol de consumidores, o sistema bancário também disponibiliza esse tipo de empréstimo para funcionários de empresas que tem contratos fixados com instituições financeiras. Uma das maiores vantagens deste tipo de empréstimo, devido à baixa taxa de inadimplência, são menores taxas de juros, uma vez que com a segurança de descontar as taxas direto da fonte de renda, a instituição bancária garante então que terá o dinheiro em mãos e gere parcialmente os riscos do empréstimo.

Mesmo com uma taxa de juros mais baixa, ela ainda continua alta, quando comparada com outros lugares ao redor do mundo. Assim como qualquer outro tipo de empréstimo ou crédito pessoal, o empréstimo consignado só interessante no curto prazo ou para o pagamento de dívidas com juros mais altos, como cartões de crédito, cheques especiais, transferência de empréstimos e financiamentos etc.

Aposentados e pensionistas devem tomar um especial cuidado com pequenas empresas fornecendo este tipo de empréstimo, com muitas facilidades e promessas boas e tentadoras. Desconfie de todas elas e pesquise muito antes de assumir um compromisso financeiro. Lembre-se sempre de que no desespero tomamos muitas decisões ruins e que podem nos prejudicar muito em um futuro próximo.

Empréstimos com melhores taxas

O empréstimo consignado é uma opção de juros menores para aqueles que só tem opções de juros de cartões e cheques especiais. As taxas são menores, mas não tão baixas que compensem um uso mais constante. (Foto: apeoc.org.br)

Leve o contrato a um advogado para a leitura técnica e principalmente na hora de adquirir bens de consumo. Pesquise e compare as melhores taxas de juros antes de adquirir o empréstimo consignado.

A melhor forma de obter este empréstimo é sempre de instituições financeiras sólidas, como bancos e cooperativas de crédito de renome no mercado. Desta forma, você está garantindo que seu dinheiro não está sendo roubado por pessoas que estejam agindo de má fé. Agora, outra coisa importante é a comparação da taxa de juros para o Custo Efetivo Total, ou CET, como denominado pelo Banco Central do Brasil.

Em todas as instituições em que for buscar o empréstimo, você deve buscar todos os custos e valores para que o empréstimo seja feito, incluindo aqui IOF e a taxa de juros em si. Lembrem-se de que a empresa não pode cobrar uma taxa de abertura de crédito, pois vai contra o código de defesa do consumidor.

Você deve anotar todos estes custos, parcelas e juros afim de compará-los com calma em casa. Não aceite a primeira proposta que receber. Acesse a internet e entre em uma calculadora virtual, como neste site. Pegue os valores totais, o CET, compare e veja se há algum benefício incluso. Volte a todas as lojas com a melhor oferta que conseguiu e renegocie. Assim, você irá conseguir as melhores taxas e condições para seu dinheiro.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)