Livros sobre finanças para mulher!

Escrito na categoria "Educação financeira" por André M. Coelho.

Os títulos podem até parecer mais apropriados para a capa de uma vogue ou outra revista feminina. Isto não significa que não sejam bons. As mulheres vivem mais que os homens, ganham menos e saem mais do trabalho para cuidar das crianças e dos mais velhos. Mesmo com estudos mostrando que mulheres poupam um pouco mais dos pagamentos do que os homens, elas no fim das contas acabam tendo menos recursos pelos pagamentos piores. Será então necessário livros focados especificamente nas mulheres?

Publicidade

Publicidade

Sim. E isto irá ajudar muito na hora de orientar e organizar as finanças na direção da saúde financeira. Então, listamos aqui alguns dos recursos disponíveis focados especificamente no público feminino e nos recursos financeiros. Infelizmente, poucos destes produtos são encontrados em português. Tentaremos ser o mais abrangentes possíveis.

Na internet

Site para gerenciamento de finanças

O site LearnVest atende ao nicho de mercado feminino que quer entender mais sobre suas finanças e render mais com seus recursos financeiros. (Foto: blog.creditkarma.com)

Learnvest.com é um site de finanças pessoais para mulheres entre 20 e 30 anos, sem abusar da feminilidade. Após os usuários responderem algumas perguntas sobre sua fase da vida, educação, situação no trabalho e o que buscam, o site gera um plano de ação personalizado, incluindo uma lista com várias categorias, como “entendendo meu salário”. Itens que já foram marcados na lista podem incluir materiais de leitura ou exercícios ligados a um tópico, como se você deve comprar ou alugar uma casa. É importante manter os dados atualizados para um melhor aproveitamentos dos recursos e planejamento do site.

Publicidade

Publicidade

Nos livros

Livro básico para finanças pessoais

Ao aprender melhor sobre as diferenças entre os sexos, principalmente na questão da comunicação, as mulheres entenderão melhor como funciona os produtos financeiros voltados a elas e como adaptá-los melhor ao seus estilos. (Foto: pipocadebits.com)

Vamos começar por um clássico: Homens são de Marte, Mulheres são de Vênus. não é um livro focado em finanças, mas ele vai destrinchar as principais diferenças entre os sexos, principalmente em situações estressantes. Deve ser a primeira leitura da mulher investidora, pois na hora de ler os artigos focados no mercado financeiro, já saberá quais foram feitos para ela.

Publicidade

No livro “Shoo, Jimmy Choo!”, ainda sem tradução, a autora Catey Hill dá conselhos bem femininos, usando inclusive uma linguagem mais delicadas e metáforas mais sensíveis. Ela chega a comparar vestidos pretos com os básicos das finanças. Pelo menos, seus recursos e direções são sólidos nas questões de poupar e investir.

Publicidade

Em contraste, “Hot (Broke) Messes”, escrito por Nancy Trejos, é uma memória que detalha a descendência da autora e sua fuga do débito. Ela discorre sobre assuntos como orçamentos, a busca de ajuda profissional e cartões de crédito. Pode ser uma leitura mais apropriada para mulheres mais novas.

Muitas das planejadoras financeiras mulheres recomendam livros da autora Barbara Stanny, incluindo “Secrets of a Six-Figure Women”. Além deles, algumas biografias de empresárias de sucesso, tal como Oprah Winfrey podem conter informações cruciais para as mulheres que querem vencer em mercados dominados pelos homens.

Pessoalmente

Publicidade

Publicidade

Se livros nem fontes na internet são sua preferência, você pode buscar pessoalmente por cursos focados na área financeira para mulheres. A maior parte dos cursos de finanças domésticas tem materiais exclusivos para o público feminino, já que poucos homens se interessam pelo assunto. É importante salientar que o material genérico dos cursos e livros não é necessariamente ruim para mulheres. Muito menos, livros focados no mercado financeiro também o sejam.

O que ressaltamos é que o público feminino deve buscar materiais que lembrem-se do lado emocional, que busca mais segurança, tende a ser menos impulsiva e agressiva. Reflita bem e busque cada vez mais conhecimento. Independente do foco, vocês continuam sendo o sexo forte. E saberão utilizar estas informações de forma muito mais sábias que nós, homens.

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Crédito ou débito? Esta é uma pergunta quase sempre feita ao se pagar com cartão mas é uma questão também comum na vida de muitos brasileiros. Com mais de 300 horas em cursos de finanças, empreendedorismo, entre outros, André formou-se em pedagogia e se especializou em educação financeira. Dá também consultorias financeiras e empresariais quando seus clientes precisam de ajuda e compartilha conhecimentos aqui neste site.

Publicidade

Publicidade

Aviso legal

O conteúdo apresentado no site é apenas informativo com o objetivo de ensinar sobre o funcionamento do mundo financeiro e apresentar ao leitor informações que o ensine a pensar sobre dinheiro. O site Crédito ou Débito não faz recomendações de investimentos e em nenhuma hipótese pode ser responsabilizado por qualquer tipo de resultado financeiro devido a práticas realizadas por seus leitores.

Deixe um comentário