Você provavelmente já foi perguntado pelo seu número de CVV na maioria das vezes ao fazer compras on-line. Esse número, também conhecido como CVV2 ou CVC (código de verificação do cartão), é usado para proteger suas transações de crédito contra fraudes ao fazer compras online e por telefone.

No entanto, se um hacker se apossar do seu CVV, ele poderá usar os detalhes do seu cartão para transações fraudulentas. Como a fraude com cartão de crédito nos Estados Unidos está aumentando, é importante entender como os hackers podem obter esse número e as dicas que você pode seguir para manter suas finanças intactas.

Como um hacker consegue meu código de verificação CVV?

Existem duas maneiras principais pelas quais os hackers podem obter seu número de CVV. O primeiro é o phishing e o segundo é usar um keylogger baseado na web. Ambos são um pouco complicados, então explicamos em profundidade para você:

Phishing

É uma forma de roubo de segurança online em que informações confidenciais são roubadas, como detalhes do cartão de crédito. O phishing pode incluir links complicados, contaminação de cache DNS (que envolve o phisher alterando as informações do servidor DNS para que todos acessem o site sejam redirecionados para outro site) e malware de captura de tela usado para gravar e reportar informações ao phisher).

Como o Phishing funciona?

Você já recebeu um e-mail que parecia ter sido enviado pelo seu banco, mas tinha alguns detalhes suspeitos? Talvez o endereço do remetente não fosse o endereço oficial do qual você costumava receber ou talvez houvesse um link para um site desconhecido? É provável que esse tenha sido um e-mail de phishing.

Keylogger

Um keylogger pode ser instalado em um site online para que todos os dados que os clientes enviam ao site sejam duplicados e encaminhados para o servidor do invasor. Eles fazem isso pegando formulários: enviando dados de formulário enviados pelos usuários (como seu nome, endereço, número do cartão de crédito e, é claro, seu CVV). O keylogger é projetado para capturar esses dados inseridos no campo de formulário antes de serem criptografados quando você os enviar para o site.

A maioria dos fraudadores não agrupa essas informações por conta própria. Em vez disso, eles compram pacotes de dados do portador do cartão, incluindo nomes de conta, números de cartão completos, vencimento, números de CVV2 e endereços.

Fraudes com cartão

O código CVV precisa ser mantido em segurança para evitar o roubo do seu cartão e fraudes. (Foto: Naked Security)

Como posso proteger meu CVV do cartão?

Embora as transações online estejam se tornando mais seguras à medida que a tecnologia se desenvolve, há algumas etapas e dicas simples que você deve considerar para reduzir suas chances de se tornar vítima de fraudes online com cartão de crédito.

Antivírus

Instale softwares antivírus e firewalls para proteger suas finanças e outras informações pessoais ao fazer compras ou simplesmente navegar online.

Procure os sinais

Sempre que você receber um e-mail, especialmente se estiver solicitando qualquer tipo de informação pessoal ou financeira, procure por sinais indicadores, como saudações genéricas, ameaças à sua conta que exigem ação imediata, links suspeitos e endereços de e-mail e gramática incorreta e incorreta.

Verifique o certificado SSL do site

Os certificados SSL são pequenos arquivos de dados que, quando instalados em um navegador da Web, ativam um símbolo de cadeado e o protocolo https, o que garante conexões seguras de um servidor da Web para um navegador. Então, normalmente, se você vê esse símbolo de cadeado, o site é seguro.

Use serviços como o PayPal

Se você não quiser inserir os detalhes do seu cartão de crédito, use serviços seguros, como o PayPal, que não exigem que você insira seus detalhes quando fizer uma compra. Em vez disso, você cria uma conta do PayPal, insere seus dados lá e todos os pagamentos são feitos através de sua conta segura do PayPal.

Criar cartão de compras online

Ao fazer compras online, você pode criar um cartão de comprar online para tornar suas compras mais seguras e assim, evitar problemas e possíveis roubos de informações.

Infelizmente, os golpes com cartões de crédito estão se tornando mais comun. No entanto, existem algumas precauções simples que você pode tomar para proteger seu dinheiro.

Se você suspeitar que foi vítima de um golpe de cartão de crédito ou se tiver identificado transações fraudulentas em sua conta, entre em contato imediatamente com seu banco. Se você quiser denunciar um golpe, pode informar online para seu banco sobre o golpe.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas!

Marcadores: ,

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)