Estudos fisiológicos descobriram que falar duas ou mais línguas é um grande trunfo para o processo cognitivo. Os cérebros de pessoas bilíngues funcionam de forma diferente do que os falantes de línguas individuais, e essas diferenças oferecem vários benefícios mentais. E cada um destes benefícios traz muitas vantagens financeiras que você nem imagina.

Abaixo estão sete vantagens cognitivas para a aprendizagem de uma língua estrangeira. Muitos desses atributos são apenas aparentes em pessoas que falam vários idiomas regularmente. Se você não tem falado uma língua estrangeira desde que seus níveis básicos, o seu cérebro pode não ter esses benefícios bilíngues. No entanto, as pessoas que começam o estudo da língua em suas vidas adultas ainda podem alcançar os mesmos níveis de fluência como jovens aprendizes, e ainda colher os mesmos benefícios mentais também.

Você se torna mais inteligente

Falar uma língua estrangeira melhora a funcionalidade do seu cérebro, desafiando-o a reconhecer, negociar significados, e comunicar-se em diferentes sistemas de linguagem. Esta habilidade aumenta a sua capacidade de negociar significado em outras tarefas de resolução de problemas também.

Os alunos que estudam línguas estrangeiras tendem a melhor pontuação em testes padronizados do que seus pares monolíngues, particularmente nas categorias de matemática, leitura e vocabulário.

A ideia financeira aqui é conseguir pensar em mais de uma possibilidade para um mesmo problema, dando a ele sempre uma solução mais criativa.

Você constrói habilidades multitarefa

Pessoas multilíngues, especialmente crianças, são hábeis em alternar entre dois sistemas de fala, da escrita e da estrutura. Esta habilidade de ” malabarismo ” os torna as pessoas boas com a multitarefa, porque elas podem facilmente alternar entre diferentes estruturas.

Neste sentido, saber fazer mais de uma coisa ao mesmo tempo vai te ajudar a entender suas finanças ao mesmo tempo em que vai orientando-as a várias direções, seja no trabalho, no lazer ou em conversas de fins de semana.

Você evita a doença de Alzheimer e demência

Vários estudos têm sido realizados sobre este tema, e os resultados são consistentes. Para os adultos monolíngues, a idade média para os primeiros sinais de demência é de 71,4. Para os adultos que falam dois ou mais idiomas, a idade média para os primeiros sinais é de 75,5 . Estudos consideram fatores como o nível de educação, nível de renda, gênero e saúde física, mas os resultados foram consistentes. Aqui fica óbvio que quanto mais saúde você tiver para movimentar seu dinheiro, melhor será.

Aproveitando o futuro com uma segunda língua

Aprender uma egunda língua te dará horizontes que você não imaginava antes, oportunidades que serão aproveitadas por todo seu futuro. (Foto: www.gsmnation.com)

Sua memória melhora

Educadores frequentemente comparam o cérebro a um músculo, porque ele funciona melhor com o exercício. Aprender uma língua envolve regras de memorização e vocabulário, o que ajuda fortalecer esses músculos mentais. Este exercício melhora a memória em geral, o que significa que vários falantes são melhores em lembrar listas ou sequências. Estudos mostram que os bilíngues são melhores em manter listas de compras, nomes e direções. E nada melhor que uma boa memória para lembrar daquelas notícias sobre investimentos de nota de rodapé e um jornal desconhecido.

Você se torna mais perceptivo

As pessoas multilíngues são melhores em observar seus arredores. Eles são mais hábeis em foco em informações relevantes e editar o irrelevante. Eles também são melhores em detectar informações enganosas. É alguma surpresa que Sherlock Holmes seja um poliglota qualificado? O mesmo vale para os grandes investidores, que em mais de uma oportunidade souberam como encontrar os melhores investimentos e oportunidades de negócios.

Suas habilidades de tomada de decisão melhoram

De acordo com um estudo da Universidade de Chicago, os bilíngues tendem a tomar decisões mais racionais. Qualquer linguagem contém nuances e implicações sutis em seu vocabulário, e esses preconceitos podem subconscientemente influenciar o seu julgamento. Bilíngues estão mais confiantes com as suas escolhas depois de pensar sobre isso na segunda língua e ver se suas conclusões iniciais ainda sendo questionadas. Naquele momento de início de quedas financeiras, nada melhor que saber tomar uma decisão para impedir desastres financeiros.

Você melhora a sua língua materna

Aprender uma língua estrangeira chama a sua atenção para a mecânica da língua materna: gramática, conjugações e estrutura de sentença . Isso o torna mais consciente da linguagem, e as formas que podem ser estruturadas e manipuladas. Essas habilidades podem fazer de você um comunicador mais eficaz e um editor e escritor mais nítido. Falantes de idiomas também desenvolvem um melhor ouvido para ouvir, já que eles são hábeis em distinguir significado dos sons discretos. E assim, consegue transmitir melhor o que quer para quem importa. E Seja em um negócio ou em investimentos, saber comunicar seus desejos é extremamente importante.

Considerações Finais

Não só com os elementos que dizemos acima, aprender uma língua estrangeira também te ajudará com novas oportunidades, novos horizontes, fontes de informações que você não tinha antes. Quanto mais você puder acessar, melhor será para você investir com segurança e assim, minimizar ainda mais seus riscos.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)