Consórcio imobiliário vale a pena? Como funciona?

Em Empréstimos e financiamentos por André M. Coelho

Consórcios imobiliários possibilitam a compra de imóveis por parte de seus participantes, quando finalmente premiados com sua carta de crédito. Alguns usam consórcios como investimentos, se beneficiando de baixas taxas de juros. Outros, usam para financiar seu sonho da casa própria.

Seja como for, vamos aprender um pouco mais sobre este recurso do mercado financeiro?

O que é um consórcio imobiliário?

Um consórcio imobiliário é uma forma de investimento coletivo, onde várias pessoas se unem para comprar bens imóveis, como casas, apartamentos, terrenos e até mesmo imóveis comerciais.

Leia também

Ao invés de comprar um imóvel de uma só vez, as pessoas pagam parcelas mensais para o consórcio, com o objetivo de, em um determinado tempo, adquirir o bem desejado.

Como funciona o consórcio imobiliário?

O funcionamento do consórcio imobiliário é bastante simples.

Primeiramente, é necessário escolher a administradora do consórcio, que pode ser uma instituição financeira ou uma empresa especializada. Em seguida, é preciso escolher o tipo de consórcio (imóvel residencial, comercial, etc) e o valor do bem desejado.

Após isso, você paga parcelas mensais, que incluem o valor da carta de crédito (que será usado para comprar o imóvel) e a taxa de administração.

Durante o período do consórcio, é realizado um sorteio mensal, onde é escolhido um participante para ser contemplado com a carta de crédito.

É possível adquirir a carta de crédito de outros participantes, através de lances.

Consórcios imobiliários

Um bom consórcio imobiliário possibilita a compra de imóvel com uma carta de crédito, e pode ser uma ótima ferramenta financeira para suas necessidades. (Imagem: Finance International)

Consórcio imobiliário vale a pena?

A resposta para essa pergunta depende de cada caso.

O consórcio imobiliário é uma boa opção para pessoas que não possuem o valor total do imóvel à vista, mas desejam adquirir um bem imóvel.

Além disso, é uma boa opção para quem deseja poupar dinheiro para a compra de um imóvel, sem precisar se endividar com bancos ou financeiras.

Entretanto, é importante levar em conta que o consórcio imobiliário pode levar mais tempo para a compra do imóvel do que um financiamento bancário, já que depende de sorteios e lances.

Além disso, é preciso considerar as taxas de administração, que podem ser altas.

Por isso, é importante fazer uma pesquisa de mercado e comparar as taxas de administração de diferentes administradoras antes de optar pelo consórcio imobiliário.

Consórcio imobiliário ou financiamento: qual o melhor?

Novamente, a resposta para essa pergunta depende de cada caso. O consórcio imobiliário é uma boa opção para quem deseja poupar dinheiro para a compra de um imóvel, sem precisar se endividar com bancos ou financeiras.

Além disso, é uma boa opção para quem não possui o valor total do imóvel à vista.

Já o financiamento imobiliário é uma boa opção para quem precisa adquirir um imóvel rapidamente, pois é possível obter o valor do imóvel de uma só vez. Além disso, é uma boa opção para quem possui renda compatível com as parcelas do financiamento.

Por isso, é importante avaliar as suas necessidades e condições financeiras antes de optar por um ou outro. É fundamental fazer uma pesquisa de mercado e comparar as taxas de juros e as condições de pagamento antes de tomar uma decisão.

Como vender consórcio imobiliário?

Suponha que você tenha sido contemplado com um consórcio, mas não quer mais usar esse dinheiro. É possível vender sua carta de crédito antes de usar o dinheiro.

Se você já é participante de um consórcio imobiliário e precisa vender sua carta de crédito, existem algumas opções. Uma delas é procurar outros participantes que estejam interessados em adquirir sua carta de crédito, através de lances.

É importante lembrar que essa transação deve ser feita com a administradora do consórcio e que existe uma taxa para a transferência da carta de crédito.

Outra opção é procurar empresas especializadas em compra de consórcios, que podem oferecer um valor próximo ao valor da carta de crédito. No entanto, é importante fazer uma pesquisa de mercado e comparar as ofertas antes de tomar uma decisão.

É importante avaliar as suas necessidades e condições financeiras antes de optar por um consórcio imobiliário. É fundamental fazer uma pesquisa de mercado e comparar as taxas de administração, juros e as condições de pagamento antes de tomar uma decisão.

Não deixe de verificar se o consórcio imobiliário é uma boa opção para o seu caso específico e se é uma opção melhor do que financiamento bancário ou outras opções de investimento.

É sempre recomendável consultar um especialista financeiro para obter orientação e ajuda para tomar a decisão certa.

Dúvidas? Deixem nos comentários suas perguntas!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Crédito ou débito? Esta é uma pergunta quase sempre feita ao se pagar com cartão mas é uma questão também comum na vida de muitos brasileiros. Com mais de 300 horas em cursos de finanças, empreendedorismo, entre outros, André formou-se em pedagogia e se especializou em educação financeira. Dá também consultorias financeiras e empresariais quando seus clientes precisam de ajuda e compartilha conhecimentos aqui neste site.

Aviso legal

O conteúdo apresentado no site é apenas informativo com o objetivo de ensinar sobre o funcionamento do mundo financeiro e apresentar ao leitor informações que o ensine a pensar sobre dinheiro. O site Crédito ou Débito não faz recomendações de investimentos e em nenhuma hipótese pode ser responsabilizado por qualquer tipo de resultado financeiro devido a práticas realizadas por seus leitores.

Deixe um comentário