Transferir dinheiro para o exterior não é muito diferente de fazer uma transferência entre contas no Brasil.

Para fazer uma transferência bancária entre contas que estão em dois países diferentes, a pessoa que está iniciando a transferência deve ter em mãos alguns dados de quem receberá o dinheiro, entre eles:

  • Nome do banco;
  • Código SWIFT/BIC (Bank Identifier Code) que designa o banco do beneficiário do pagamento,
  • Endereço completo do banco;
  • Em caso da transferência dentro da Europa; deve ter o código IBAN (número de conta bancária internacional do beneficiário do pagamento);
  • Nome do destinatário;
  • Número de conta;
  • Endereço completo.

Tenha certeza de confirmar estes dados mais de uma vez para não cometer algum erro na hora de fazer as transferências.

Transferências bancárias

Você praticamente não vai precisar sair de casa para uma transferência internacional, podendo agilizar o processo direto de seu internet banking e até agendar envios de dinheiro. (Foto: manutencaoesuprimentos.com.br)

Em seguida, o valor a ser enviado deve estar separado já em sua conta, junto com a taxa que será cobrada da transferência. Você pode verificar a taxa na tabela de serviços oferecida por seu banco, pela Central de Atendimento do mesmo ou conversando com seu gerente. Se você tem conta bancária em mais de uma agência, recomendamos que pesquise qual dos bancos tem as menores taxas para a transferência internacional.

Quando alguma informação ficar faltando, você pode pedir ajuda ao seu gerente para obte-la, principalmente no caso do código SWIFT/BIC. Ele é diferente de país para país. Bancos canadenses, por exemplo, usam código TRNO. Bancos australianos usam BSB. Bancos alemães e austríacos BLZ e as instituições financiaria UKSORT, enquanto outros países utilizam códigos SWIFT. Pergunte ao seu gerente qual o código do país de destino para não haver confusões.

Você deve escolher um banco que permite o monitoramento da transferência, porque as vezes durante a transferência passa pelo intermediários e diferentes continentes. Se eles perdem o dinheiro, é melhor que você tenha provas de onde ele foi perdido.

Fuja de intermediários, como a Western Union. O sistema de transferência financeira deles é antiquado e com pouca segurança a quem utiliza tais serviços.

Assim que a transferência for feita, solicite a confirmação de recebimento por parte do destinatário, seja por e-mail, telefone ou qualquer outra forma de contato.

As transferências internacionais tendem a demorar um pouco mais para serem concluídas, mas são bem rápidas no processo, dependendo do destino. Algumas lojas de câmbio oferecem tais serviços e transferências internacionais, o que pode ficar em conta. Compare os valores e as condições antes de escolher qual instituição irá concretizar sua transferência.

6 comentários para “Como fazer pagamentos e transferências bancárias internacionais?”

  1. Maria João Dionísio

    No caso de uma transferência para Inglaterra (a partir de Portugal), para uma conta que não me pertence, tenho também que pagar as taxas do Banco destinatário, ou deverão ser as taxas “divididas” entre o emissor (eu) e o destinatário (pessoa a quem faço a transferência)? OBG

    Responder
    • Equipe Crédito ou Débito

      Só as taxas de seu banco, Maria. No banco destinatário, quem pagará as taxas é quem recebe o dinheiro, geralmente.

      Responder
  2. Endys

    Boa Tarde!
    Então uma transferência para Portugal não vou pagar a taxa do banco destinatário não? Só a taxa do meu banco.
    Varia de quanto essa taxa de banco para banco.

    Responder
    • Equipe Crédito ou Débito

      Endys, depende do banco que está usando, além das taxas a impostos que podem incorrer sobre essa transferência.

      Responder
  3. Joyce

    Boa noite.
    No meu caso fizeram uma transferência de bruxelas para minha conta jurídica na caixa, mas esse valor ate hoje não entrou na minha conta.
    Fui no banco perguntar ao gerente e ele me confirma que o valor entra automaticamente na minha conta, mais tem quase 1 semana e nada. Passei todos os dados necessários para transferência. Sem contar que acho que na minha agência os funcionários não sabem nem como funciona esse sistema de transferência.
    Oq faço?

    Responder
    • Equipe Crédito ou Débito

      Joyce, situação complicada, converse novamente como seu gerente.

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)