O termo “Pagamento em espécie” vira e mexe aparece em contratos, noticiários, negociações de hospedagem, pagamento da entrada na compra de carros ou mesmo em conversas informais sobre dinheiro em qualquer “butequim”! Brincadeiras a parte, é quase certo que você ouviu a expressão “em espécie” alguma vez e não sabia o que significava!

No era do pagamento com dinheiro de plástico, cheques de viagem, transferências eletrônicas, Dotz, cartões de crédito, cartões de débito, cartões pré-pago, cheque especial e várias outras formas de pagamento, acaba sendo necessário criar uma terminologia para explicitar o dinheiro em sua forma original: notas e moedas.

Portanto o termo “em espécie” é usado quando se quer dizer que apenas é aceito dinheiro e nada mais que possa ser trocado por dinheiro. Todas as outras formas de pagamento não são efetivamente dinheiro, mas formas de representação do dinheiro. No pagamento em espécie apenas a moeda em sua forma padrão é aceita.

Em algumas situações em que pode haver dúvidas, o termo significa também que se trata da moeda local do país. Caso não seja dito o contrário, entenda que pagamento em espécie é na moeda do país em que se negocia. Especialmente ao usar dinheiro no exterior pode surgir esta dúvida e é sempre bom perguntar para ter certeza.

Pagamento e dinheiro em espécie

O que é pagamento em espécie?

 

Como os meios de pagamento alternativos ao dinheiro em espécie estão cada vez mais confiáveis, são raros os casos em que transferências bancárias, cartões de débito ou outras formas de pagamento à vista não são aceitos.

Tome cuidado com situações em que há exigência de pagamento em espécie pois isto pode ser um indício de sonegação de algum imposto ou mesmo alguma ação ilegal. Rastrear dinheiro em espécie é sempre mais difícil do que rastrear transações eletrônicas, cheques ou notas promissórias! Isto torna a fiscalização de qualquer negociação mais difícil!

E você? Já teve momentos em que precisou fazer um pagamento em espécie? Qual foi a ocasião? Deixe um comentário!

 

 

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)